Líder, São Paulo bate Fluminense e ganha fôlego na briga com Flamengo

Com dois gols de Brenner, time aproveita tropeço do rubro-negro no Brasileiro

São Paulo

O São Paulo venceu o Fluminense na noite deste sábado (26), por 2 a 1, no Maracanã, e conseguiu aumentar ainda mais a distância na liderança do Campeonato Brasileiro para o Flamengo, que tropeçou diante do Fortaleza e caiu da segunda para a terceira posição na classificação.

Assim, a equipe de Fernando Diniz chegou aos 56 pontos, 7 a mais do que o Flamengo, que ficou no empate em 0 a 0 com o Fortaleza, fora de casa, mas tem um jogo a menos do que os paulistas.

O cenário poderia ser ainda melhor se o Atlético-MG, novo vice-líder da competição com a mesma pontuação dos rubro-negros —mas com uma vitória a mais nos critérios de desempate (15 a 14)—, não tivesse vencido o Coritiba, em casa, por 2 a 0. Assim como o São Paulo, a equipe mineira também tem uma partida a mais do que o Flamengo.

No Maracanã, o São Paulo saiu na frente com Brenner, que completou cruzamento de Reinaldo aos 14 da primeira etapa.

Aos 6 minutos do segundo tempo, Fred, o maior artilheiro da história dos pontos corridos, marcou seu gol de número 150 em edições do Nacional nesse formato e empatou a partida, após erro de passe de Gabriel Sara.

Brenner marcou dois gols contra o Fluminense
Brenner marcou dois gols contra o Fluminense - Alexandre Loureiro/Reuters

Mas 20 minutos depois, Brenner, novamente, foi à rede e deu números finais à partida.

O jovem atacante de 20 anos é cria das categorias de base do time do Morumbi, mas chegou a ser emprestado para o próprio Fluminense, justamente na época em que Diniz treinava a equipe carioca.

Foi, aliás, o treinador quem pediu o retorno de Brenner para São Paulo.

Ele começou a temporada na reserva de Pablo, mas assumiu a posição de titular e já soma 21 gols na temporada. É o artilheiro do elenco em 2020, à frente de Luciano, que balançou a rede 15 vezes desde agosto, quando chegou de uma troca com o Grêmio.

Yago Felipe e Brenner disputam bola durante partida entre Fluminense e São Paulo no Maracanã
Yago Felipe e Brenner disputam bola durante partida entre Fluminense e São Paulo no Maracanã - Alexandre Loureiro/Reuters

Antes de voltar a se preocupar com o Brasileiro, o São Paulo terá pela frente uma decisão na Copa do Brasil, na próxima quarta-feira (30), às 21h30.

Após perder o jogo de ida da semifinal na Arena do Grêmio, por 1 a 0, o time tricolor precisa reverter o resultado no Morumbi se quiser avançar à final.

O clube nunca foi campeão da Copa do Brasil. Seu melhor resultado é um vice-campeonato, em 2000 —acabou derrotado pelo Cruzeiro na decisão.

Se superar os gaúchos, enfrentará quem levar a melhor no duelo entre Palmeiras e América-MG, que jogam no mesmo dia e horário –no jogo de ida, as equipes ficaram no empate em 1 a 1, em São Paulo.

Pelo Brasileiro, o São Paulo volta a campo no dia 6 de janeiro (uma quarta-feira), quando encara o Bragantino, fora de casa, às 21h30.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.