Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
24/12/2012 - 05h20

Antologia de Drummond ganha prêmio voltado a escritor vivo

Publicidade

DE SÃO PAULO

O Prêmio Biblioteca Nacional de Literatura, que só aceita inscrições feita pelo autor --ou pela editora mediante autorização por escrito do autor--, escolheu antologia de Carlos Drummond de Andrade (1902-1987) como vencedora na categoria poesia.

Bernardo Ajzenberg, diretor executivo da Cosac Naify, aparece como vencedor por ser "detentor dos direitos autorais" de "Carlos Drummond de Andrade Poesia 1930-62" (Cosac Naify), organizado por Julio Castañon Guimarães.

Dois jurados da categoria, Francisco Orban e Leila Míccolis, não foram localizados para comentar. O terceiro integrante do júri, Carlito Azevedo, informou que não comentaria o assunto.

A Cosac Naify preferiu não se manifestar oficialmente por ora. No Facebook, Ajzenberg disse que "não faz sentido" figurar como autor e que fez "formalmente a inscrição pela [...] Cosac Naify".

A Biblioteca Nacional informou que analisará o caso se houver pedido de recurso.

Os vencedores nas oito categorias foram divulgados na sexta (21).

Editoria de Arte/Folhapress
 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página