Hackers invadem site da Secretaria da Cultura e postam vídeo de trap

'Só de brincadeira', diz comentário fixado no YouTube

Belo Horizonte

A seção de notícias do site oficial da Secretaria Especial da Cultura foi invadida por hackers.

Os cidadãos brasileiros interessados em se inteirar das últimas notícias da secretaria chefiada pelo ator Mario Frias se depararam com postagem de um chamado Trio Ternura —que nesse caso não é uma trupe musical da jovem guarda, mas um grupo de hackers.

Reprodução da página de notícias da Secretaria Especial da Cultura
Reprodução da página de notícias da Secretaria Especial da Cultura - Reprodução

Na postagem, foi inserido um vídeo do grupo no YouTube, que parodia a música "Goosebumps" de Travis Scott e Kendrick Lamar.

"Só duas semanas online/ não quero hype", diz a canção, que segue: ".gov esquece/ derretendo/ com o click do corleone/ fica vendo/ tudo ficando offline".

A postagem, que consta como sendo de sexta-feira (4), está inserida no índice que engloba publicações noticiosas da secretaria, como uma nota de pesar sobre a morte do ator Gésio Amadeu e uma notícia sobre ações emergenciais destinadas ao setor cultural, entre outras.

Um comentário fixado no YouTube diz "http://cultura.gov.br/trioternura/ Só de brincadeira".

Em ofício enviado às instituições vinculadas à Secretaria Especial da Cultura, Mario Frias informou que todos os posts em redes sociais, sites e portais oficiais deverão ser previamente enviados ao secretário, para que ele avalie e, se for o caso, autorize o material.

A solicitação vale para a Ancine, a Agência Nacional do Cinema, a Biblioteca Nacional, a Fundação Casa de Rui Barbosa, a Fundação Cultural Palmares, a Funarte, a Fundação Nacional de Artes, o Ibram, o Instituto Brasileiro de Museus, e o Iphan, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. O ofício foi enviado na última sexta (4).

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.