Funcionário do HSBC testa positivo para coronavírus e banco evacua prédio em Londres

Na Europa, bancos preparam alternativas para garantir operação em meio à disseminação do vírus

Londres e Milão | Reuters

Um funcionário do HSBC em Londres testou positivo para o coronavírus e o banco britânico enviou mais de cem funcionários que podem ter tido contato com ele para casa nesta quinta-feira (5). Esse é o primeiro caso em uma grande companhia no centro financeiro da Europa.

"Todos os funcionários que podem trabalhar remotamente de casa, se preferirem", afirmou o HSBC. A sede do banco fica no distrito financeiro de Londres, que reúne instituições como Citibank, JPMorgan, Morgan Stanley e Barclays.

Logo do HSBC
Banco britânico evacua parcialmente prédio em Londres após contaminação pelo coronavírus - REUTERS/Brendan McDermid

O banco italiano UniCredit também mandou funcionários para casa depois que dois deles, um na Alemanha e outro na Itália, foram infectados pelo vírus. O banco também fechou a unidade de Placência, no norte de Itália, onde há um terceiro funcionário infectado.

A possibilidade do coronavírus se espalhar pelo setor financeiro está preocupando reguladores, que temem que a falta de funcionários importantes leve a problemas de liquidez nos mercados, caso as empresas não consigam operar transações normalmente.

Na terça (3), O banco central europeu pediu que bancos da zona do euro testem, com urgência, seus sistemas de trabalho remoto ou outras formas de trabalho para funcionários em estado critico. Os reguladores da Alemanha e Inglaterra também informaram que observam a preparação das instituições financeiras.

Bancos já preparam escritórios alternativos e isolando algumas equipes para garantir que eles possam continuar operando. O Goldman Sachs testa um escritório reserva em Croydon, ao Sul de Londres. O Citi prepara um em Lewisham, ao redor de Londres, e o JPMorgan em Basingstoke e, um segundo, no centro de Londres.

Na Espanha, o BBVA transferiu mais cem funcionários de Madrid para um escritório fora da capital como plano de contingência para proteger operações.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.