Descrição de chapéu Brexit

Para evitar novo ataque de milk-shakes, líder pró-brexit é forçado a ficar em ônibus

Nigel Farage se refugia em veículo de campanha; ele foi atingido pelo drinque há poucos dias

São Paulo

Nigel Farage, o político mais radical da campanha a favor da saída do Reino Unido da União Europeia, foi forçado a permanecer em seu ônibus de campanha nesta quarta (22), depois de o veículo ser perseguido' por pessoas que carregavam milk-shakes. 

Farage e sua equipe faziam um tour pelo condado de Kent, na Inglaterra, um dia antes das eleições para o Parlamento Europeu, quando três jovens usando balaclavas e capuz foram vistos por um apoiador do político.

Foi então pedido a Farage que ficasse dentro do ônibus. O motorista, Michael Bolton, relatou ter visto um par de jovens segurando milk-shakes. "Eles iam atirar [os drinques] nele", comentou. 

O fato ocorre apenas alguns dias após o líder do Partido do Brexit ter sido vítima de um milk-shake de banana com caramelo salgado, atirado pelo manifestante Paul Crowther, 32, em Newcastle, norte da Inglaterra, após um comício. 

Nigel Farage após ser atingido por um milk-shake enquanto chegava a um evento do Partido do Brexit em Newcastle - Scott Heppell/Reuters

De acordo com o site Kent Live, Farage chegou a sair do ônibus, mas ficou por perto enquanto falava com alguns de seus apoiadores. 

Falando com jornalistas a respeito das eleições europeias, Farage disse: "Amanhã é um grande dia, uma chance de impressionar o 'establishment'. Não sei se as pesquisas estão corretas, mas se estiverem o Partido do Brexit poderia ganhar e ganhar bem. Poderia mudar toda a agenda política, o que considero bastante estimulante".

 
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.