Descrição de chapéu Governo Bolsonaro

Em churrascaria, Bolsonaro diz que desconhece qualquer atrito com Maia

Em festa do deputado Hélio Lopes (PSL-RJ), presidente chega antes do aniversariante, evita comer carne e diz que ministro da Educação fica no cargo

Brasília

Na tentativa de estabelecer uma trégua com Rodrigo Maia (DEM-RJ), o presidente Jair Bolsonaro afirmou na noite desta quinta-feira (28) que desconhece qualquer atrito com o presidente da Câmara dos Deputados.

Em uma churrascaria de Brasília, onde participou do aniversário do deputado federal Hélio Lopes (PSL-RJ), o presidente disse acreditar que o Poder Legislativo está se conscientizando da necessidade da reforma previdenciária.

O presidente Jair Bolsonaro, ao lado do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), durante evento de aniversário da Justiça Militar da União, em Brasília
O presidente Jair Bolsonaro, ao lado do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), durante evento de aniversário da Justiça Militar da União, em Brasília - Pedro Ladeira - 28.mar.2019/Folhapress

"Eu desconheço qualquer atrito entre nós", afirmou na saída do evento, ao ser questionado por veículos de imprensa sobre as provocações que tem trocado nos últimos dias com Maia.

Questionado mais de uma vez se demitirá o ministro Ricardo Vélez (Educação), Bolsonaro não quis responder. Em sua chegada na festa, contudo, segundo noticiou o site "Metrópoles", ele disse que o auxiliar fica no cargo.

Sob pressão do núcleo militar para trocar o titular da pasta, o presidente tem uma audiência com o ministro na manhã desta sexta-feira (29). A sua saída, segundo auxiliares presidenciais, é uma questão de tempo.

O presidente chegou à churrascaria acompanhado da primeira-dama Michelle Bolsonaro por volta das 20h, antes mesmo do aniversariante. A festa ocorreu numa área reservada do restaurante, que fica em área nobre da capital federal.

Ele permaneceu por mais de duas horas no local. Segundo relatos de convidados, ele não comeu carne, devido a restrição médica, e evitou falar de política durante o aniversário.

Em vídeo, gravado pelo aniversariante, Bolsonaro chamou Hélio de "irmão" e fez piada com a camiseta salmão que ele usava. "Com essa camisa cor de rosa, sei não", disse.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.