Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
20/09/2011 - 17h22

Lula recebe título de doutor em sessão tumultuada na Bahia

Publicidade

GRACILIANO ROCHA
DE SALVADOR

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu na manhã desta terça-feira (20) o título de doutor honoris causa concedido pela UFBA (Universidade Federal da Bahia).

A solenidade durou pouco mais de uma hora e foi tumultuada por um protesto de estudantes. Os manifestantes pediam a aplicação de 10% do PIB (Produto Interno Bruto) em educação.

Quando Lula discursava citando números de seu governo para a educação, os estudantes gritavam do lado de fora da reitoria da universidade.

Ao final da cerimônia, eles foram autorizados a entrar no auditório e ergueram cartazes com as reivindicações. O petista brincou com manifestantes, dizendo que dedicava a eles o título de doutor honoris causa.

Em entrevista, o ex-presidente atribuiu a honraria ao reconhecimento da universidade ao seu governo pela ascensão massiva dos pobres à classe média.

"A deferência da universidade é menos de caráter pessoal ao Lula e muito mais ao resultado coletivo que a sociedade construiu", disse.

Em seguida, Lula exaltou a si mesmo: "Quantos presidentes na história da humanidade conseguiram em oito anos levar 40 milhões de pessoas para a classe média e tirar 20 milhões da linha da pobreza? É o maior processo de mobilidade da história deste país".

Na noite de hoje, Lula dará uma palestra para executivos da multinacional Nestlé, em Salvador. Amanhã, ele deve se reunir com o vice-presidente, Michel Temer, no Palácio dos Jaburus, em Brasília, para discutir a reforma política.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página