Descrição de chapéu Internet das Coisas

Conheça os palestrantes do primeiro seminário da Folha sobre internet das coisas

Evento, que tem entrada gratuita, acontece no dia 30 de janeiro no auditório do jornal

São Paulo

A Folha realiza o Seminário Internet das Coisas no dia 30 de janeiro. Durante o evento, especialistas em tecnologia, comunicações e políticas digitais estarão reunidos para debater as mudanças que a era da conectividade está trazendo.

O seminário, patrocinado pela Samsung, tem entrada gratuita e acontece no auditório do jornal (alameda Barão de Limeira, 425), em São Paulo, a partir das 8h30. As inscrições podem ser feitas no site Folha eventos.

A programação completa pode ser consultada no link folha.com/internetdascoisas. Conheça abaixo os participantes dos debates.

 

Eduardo Levy Cardoso Moreira, presidente-executivo do SindiTelebrasil, Febratel e Telebrasil. É engenheiro, integrante do Conselho Consultivo da Anatel, do Conselho Superior do Cinema (CSC), do Comitê Gestor da Internet (CGI), do Conselho do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (Nic.br) e do Comitê do Consumidor.gov.

Eduardo Conejo, gerente sênior de Inovação da Samsung América Latina e responsável pelo projeto Samsung Ocean Center. Formado em engenharia mecânica pela Unicamp, tem MBA em Gestão Estratégica de Negócios pelo Instituto Nacional de Pós-Graduação e especialização em Gestão Estratégica em Inovação Tecnológica pela Unicamp, além de especialização em Gestão de Projetos pela Universidade de São Paulo.

Thiago Camargo Lopes, secretário de Políticas Digitais do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações desde outubro de 2017. É Advogado formado pela Universidade Católica de Goiás e é Mestre em Administração Pública pela Columbia University, em Nova Iorque.

Ricardo Rivera de Sousa Lima, chefe de departamento que financia e propõe políticas públicas para IoT, TI, Telecomunicações e Indústrias Criativas no BNDES. Foi responsável por iniciativas como o estudo BNDES-MCTIC “IoT: Um Plano de Ação para o Brasil”, Planos Inova Energia e Inova Telecom. É formado em engenharia de produção pela UFRJ e Mestre em Administração de Empresas pelo COPPEAD. 

Silvia Maria Fonseca Silveira Massruha, chefe-geral da Embrapa Informática Agropecuária, é doutora em computação aplicada pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e coordena o Observatório de TIC (Tecnologias da informação e comunicação) para a Agricultura, no âmbito do Sistema de Inteligência Estratégica da Embrapa (Agropensa).

Eduardo Polidoro é diretor de negócios de IoT da Embratel. É formado em Engenharia de Telecomunicações no IMT, em Administração pela UMESP e é Cientista de Dados pelo Data Science Academy. Na Embratel, desenvolve projetos especiais e soluções sob medida de IoT – Internet das Coisas e M2M – Machine to Machine.Renata Zilse, líder do grupo de Experiência do Usuário do Centro de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação da Samsung, é mestre em design com foco em design centrado no usuário

Nilo Pasquali, superintendente de planejamento e regulamentação da Anatel, é formado em engenharia elétrica pela Universidade de Brasília (UNB) e pós-graduado em regulação em telecomunicações também pela UNB. Especialista em regulação na Anatel desde 2005, foi gerente de Regulamentação de Serviços Móveis no período de 2010 a 2013 e gerente de Regulamentação na Superintendência de Regulamentação e Planejamento da Anatel de 2013 a 2017.

Mateus Adami, professor do programa de pós-graduação lato sensu da FGV Direito SP (GVlaw). Doutorando em Direito Econômico pela Faculdade de Direito da USP. Sócio de Pereira Neto, Macedo Advogados.

Márcio Cots, diretor jurídico da Abinc (Associação Brasileira de Internet das Coisas), é sócio do COTS advogados, escritório especializado em direito dos negócios digitais e cyberlaw. Foi consultor convidado pelo Senado para debater pontos técnicos da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais e é autor do livro “Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais Comentada” (editora Revista dos Tribunais, 2018).

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.