Saltar para o conteúdo principal Saltar para o menu

Com seis jogadores, geração do bi de 1958-62 domina a seleção ideal

Mais opções
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
  • RSS

A seleção brasileira de todos os tempos da Folha conta com campeões mundiais de todas as épocas, mas a geração que venceu as Copas de 1958 e 1962 é a que conseguiu emplacar mais atletas.

Na equipe escolhida pelo júri montado pelo jornal –com jornalistas, ex-jogadores, técnicos e personalidades–, estão seis atletas que fizeram parte da conquista do bi: Pelé, Garrincha, Didi, Nilton Santos, Gylmar e Mauro.

O time de 1970, considerado um dos melhores de todos os tempos, conseguiu emplacar, além de Pelé, só o capitão da conquista, o lateral-direito Carlos Alberto Torres.

Outros atletas daquele time, como Clodoaldo, Gerson, Rivellino e Tostão, foram bem votados –tanto que integrariam uma imaginária seleção reserva de todos os tempos (veja a votação abaixo).

Mas a geração de 1970 perdeu lugar para os times vencedores dos anos 1990 e até para outro que não venceu, mas brilhou: o de 1982, que emplacou Falcão no meio e Telê Santana como técnico –o segundo mais votado foi exatamente Zagallo, de 1970.

Apesar das críticas ao futebol pragmático do time campeão de 1994, três atletas daquela Copa estão entre os melhores na seleção da Folha.

Aldair e Romário foram titulares, sendo que o atacante foi o grande responsável pela conquista. Ronaldo, que estava nos EUA mas não entrou em campo, foi o grande jogador do time que levou a Copa de 2002, na Ásia –o único lembrado daquela equipe.
tempo

O tempo pode ter influenciado a votação. Leônidas, artilheiro da Copa de 1938, quando o Brasil brilhou pela primeira vez em uma Copa, teve apenas quatro votos.

Daquele time, o mais lembrado foi o zagueiro Domingos da Guia, considerado um dos maiores de todos os tempos, que teve 13 votos, insuficientes para colocá-lo no time principal –Aldair teve 30.

Zizinho, melhor jogador do Mundial de 1950, teve seis votos. Ademir de Menezes, artilheiro daquela Copa, só um.

Do time que jogará a Copa deste ano, três jogadores foram lembrados: o atacante Neymar (2 votos) e os zagueiros Thiago Silva (1) e David Luiz. Luiz Felipe Scolari, que pode ser o primeiro brasileiro a ganhar duas Copas como treinador, teve dois votos.

Editoria de Arte/Folhapress
Todos os votos da seleção do centenário.
Todos os votos da seleção do centenário.
Editoria de Arte/Folhapress
Monte seu time dos sonhos
Monte seu time dos sonhos
Mais opções
  • Enviar por e-mail
  • Copiar url curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
  • Maior | Menor
  • RSS

Livraria da Folha

Publicidade
Publicidade

Siga a folha

Publicidade

+ Livraria

Livraria da Folha

Jogo Roubado
Brett Forrest
De:
Por:
Comprar
Festa Brasil (DVD)
Vários
De:
Por:
Comprar
The Yellow Book
Toriba Editora
De:
Por:
Comprar
Futebol Objeto das Ciências Humanas
Flávio de Campos (Org.), Daniela A.
De:
Por:
Comprar
Seleção Brasileira
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Voltar ao topo da página