Painel

Editado por Guilherme Seto (interino), espaço traz notícias e bastidores da política. Com Catarina Scortecci e Danielle Brant

Salvar artigos

Recurso exclusivo para assinantes

assine ou faça login

Painel
Descrição de chapéu São Paulo

Aliada histórica de Covas, Zulaiê se filia ao PL e quer vice de Nunes

Ex-deputada tenta o apoio do ex-presidente Jair Bolsonaro na empreitada

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A advogada criminalista e ex-deputada federal Zulaiê Cobra deixou o PSD e filiou-se ao PL. Aliada histórica do ex-governador Mario Covas (morto em 2001), ela tem dito a pessoas próximas que quer colocar seu nome na disputa pela vaga de vice do prefeito Ricardo Nunes (MDB). Seu filho Fabricio Cobra é secretário da Casa Civil do emedebista.

Zulaiê tem tentado marcar um encontro com o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) com o objetivo de conquistar seu apoio na empreitada. Ela tem sublinhado que tem praticamente a mesma idade de Marta Suplicy (PT), 79, vice de Guilherme Boulos (PSOL) —Zulaiê completou 80 em novembro.

Zulaiê Cobra durante evento no Museu da Casa Brasileira, em São Paulo
Zulaiê Cobra durante evento no Museu da Casa Brasileira, em São Paulo - Zanone Fraissat-10.mai.2013/Folhapress

Desde março de 2023, ela atua como assessora técnica da Secretaria da Casa Civil do governo Tarcísio de Freitas (Republicanos), cargo para o qual foi indicada por Gilberto Kassab, presidente do PSD e secretário estadual de Governo.

Zulaiê foi candidata a vice-governadora de São Paulo em 1990, na chapa de Covas, que foi derrotada pelo emedebista Luiz Antonio Fleury Filho.

Em 1992, foi eleita vereadora na capital. Dois anos depois, tornou-se deputada federal pelo PSDB, tendo sido reeleita mais duas vezes.

Em 2006, foi suplente de Guilherme Afif Domingos (atual secretário estadual de Projetos Estratégicos) em chapa para o Senado que acabaria derrotada pelo petista Eduardo Suplicy. Zulaiê então se desfiliou do PSDB, criticando o partido pela oposição ao PT, que ela via como fraca.

LINK PRESENTE: Gostou deste texto? Assinante pode liberar cinco acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Leia tudo sobre o tema e siga:

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.