Descrição de chapéu Obituário João Dias da Silva (1936 - 2019)

Viajava de trem para ir ao cinema, sua paixão

João Dias da Silva era fascinado por filmes e histórias em quadrinhos

Patrícia Pasquini

“O cinema encheu meu coração e minha alma.” O aposentado João Dias da Silva repetia a frase em todos os cantos de Assis (a 438 km de SP), onde morou desde os 11 anos de idade. Nasceu num lugarejo chamado Água das Antas, à beira do rio Paranapanema, na divisa entre os estados de São Paulo e Paraná.

A paixão pelo cinema era medida em quilômetros. Quando criança, viajava de trem de Assis à capital paulista para ir ao cinema, pois não havia sala em sua cidade.

Anos mais tarde, com a chegada do cinema em Assis, ele conseguiu um emprego na produção de cartazes para a divulgação dos filmes.

“Meu pai dizia que havia entregue seu coração à propaganda de cinema. O que os outros entendiam de futebol ele entendia de filmes”, diz a filha, a secretária Verônica Gislaine Dias da Silva, 36.

João Dias da Silva morreu dia 24 de agosto, aos 82 anos
João Dias da Silva morreu dia 24 de agosto, aos 82 anos - Arquivo pessoal

Dono de uma coleção de mil filmes, João costumava dizer que o cinema tem um fator decisivo na construção da sociedade.

Simples, mas muito culto, o cinéfilo também gostava de discutir literatura, teologia e história. Sem ter estudado, tornou-se desenhista de história em quadrinhos, interesse que surgiu quando ele tinha cinco anos, ao se deparar com um gibi numa banca de jornal.

Popular na cidade, segundo a família e os amigos, João reunia outros atributos. Foi um pai e avô maravilhoso, amigo e carinhoso com todos.

“Ele foi peça fundamental na conquista de serviços públicos e melhorias para a cidade”, afirma o amigo Antonio Orides Rizzo, 87, com quem escreveu o livro “Um Sonho... Uma Realidade”, de 1977. A publicação relata a história do sindicalismo assisense e a fundação do Sindicato dos Empregados no Comércio de Assis e Região.

João Dias da Silva morreu dia 24 de agosto, aos 82 anos, de pneumonia. Deixa sete filhos, 
cinco netos e um bisneto.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.