Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
31/05/2011 - 00h10

Newton Martins (1935-2011) - Ator da minissérie 'JK' e policial

Publicidade

FERNANDO MAGALHÃES
DO RIO

Há cinco anos, o ator Newton Martins Ferreira, 75, que morreu na madrugada de anteontem em decorrência de falência múltipla dos órgãos, vinha sofrendo vários problemas de saúde.

Leia sobre outras mortes

"Meu pai foi diagnosticado com mal de Parkinson há cinco anos. Em maio do ano passado, sofreu uma queda séria dentro de casa. Ele foi perdendo os reflexos e piorando cada vez mais. Às vezes, estava melhor, outras, pior", contou um de suas filhas, Márcia, 49, arquiteta.

O ator estava internado havia 15 dias no Hospital Rio de Janeiro, em Vila Valqueire, na zona oeste do Rio.

O último trabalho de Newton Martins foi em 2006, na minissérie "JK", da TV Globo, na qual interpretou o personagem Olegário Maciel.

O ator também atuou em outras novelas da emissora, como "Sonho Meu", "Despedida de Solteiro", "Escrava Isaura" e "Selva de Pedra". Nos anos 70, dirigiu os filmes "Obsessão" e "Folga".

Martins era formado em direito e chegou a ser policial militar. Segundo a família, ele conciliou a carreira de ator com a de policial durante cerca de 20 anos. Depois de se aposentar na polícia, passou a advogar, mantendo ainda a carreira artística.

O ator foi ainda dublador e diretor do teatro Armando Gonzaga, em Marechal Hermes, na zona norte do Rio.

Casado há 52 anos com Elizabete, 71, tinha quatro filhos. O corpo do ator foi sepultado anteontem, no cemitério Jardim da Saudade, na Sulacap, no Rio. Haverá uma missa do sétimo dia na terça, 7 de junho, às 18h, na capela São Sebastião, no Campinho, zona norte da cidade.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página