Saltar para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade

 
 
  Siga a Folha de S.Paulo no Twitter
20/08/2011 - 23h24

Bar sofre arrastão pela segunda vez na zona oeste de São Paulo

Publicidade

RAPHAEL SASSAKI
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA

"Valeu pessoal, tá tudo na paz, fiquem com deus, boa noite", disse um dos assaltantes aos clientes do Empório Sagarana, mais um bar vítima de arrastão em São Paulo. O estabelecimento, que fica na Vila Romana, zona oeste da cidade, foi assaltado por volta das 20h30 deste sábado (20).

Trata-se do segundo assalto em um período de cerca de quatro meses. O Empório Sagarana já havia sido roubado no dia 12 de abril deste ano.

Segundo Vitor Hugo, 25, gerente do estabelecimento, os bandidos levaram celulares, dinheiro e jóias dos clientes, além de terem esvaziado o caixa do restaurante. A quantia levada não foi informada.

"A ironia dos assaltantes deixa a gente ainda mais bravo", disse Vitor Hugo. Esse tipo de despedida irônica já havia sido feita em outros assaltos.

De acordo com as testemunhas, quatro homens armados de pistolas e usando capuzes entraram no bar e renderam clientes e funcionários. A ação não durou mais do que dez minutos. Ninguém ficou ferido.

As câmeras de segurança flagraram a ação. Segundo o gerente, nas imagens é possível ver os rostos dos assaltantes. Ele diz que não eram os mesmos homens que fizeram o primeiro assalto.

Um dos funcionários da cozinha conseguiu ver o bando fugindo em um Toyota Fielder.

Neste ano, ao menos 26 arrastões foram noticiados na capital paulista. Questionada pela Folha sobre a quantidade exata de casos, a Secretaria da Segurança Pública não informou o número oficial.

A Polícia Militar orientou as vítimas para que compareçam à delegacia e deslocou viaturas policiais para as imediações. Ninguém foi preso até o momento. A ocorrência será registrada no 7º DP (Lapa).

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade


 

Voltar ao topo da página