Descrição de chapéu Enem

Enem 2018: estude mecânica e problemas ambientais em ciências da natureza

Área contempla as disciplinas de química, física e biologia

Dhiego Maia
São Paulo

Dar conta das abstrações da química, dos fenômenos da física e dos processos que envolvem os seres vivos e seus ecossistemas na biologia.

Esses serão os desafios que os participantes do Enem terão de lidar para resolver as 45 questões da grande área das ciências da natureza.

Especialistas das três disciplinas ouvidos pela Folha são unânimes: o Enem vai seguir sua tradição de contextualizar conceitos com situações do dia a dia.

"Por que nossas avós passam sabão em cima da palha de aço? Isso tem explicação: para impedir a entrada de água e de oxigênio, dois elementos que enferrujam a palha", conta Pietro Escobar, professor de química do Oficina do Estudante, de Campinas (SP).

Para Madson Molina, do Anglo, na dúvida no que estudar em física opte pela mecânica, a mais cobrada no exame. "Ela guarda pilares da disciplina, como as Leis de Newton e conceitos de massa, potência e rendimento", afirma ele.

Em física, duas dificuldades tiram o sono dos estudantes: o uso massivo de cálculos matemáticos e a visualização de conceitos abstratos. "Para enxergar o fenômeno, só desenhando", ensina o professor Molina.

Na biologia, a matemática pode dar as caras em questões ligadas a cálculos de probabilidades em genética, segundo o professor Rodrigo Mendes, da Escola Móbile. No geral, a prova da disciplina cobra mais conceitos de ecologia e fisiologia humana e animal.

"Vale aproveitar a última semana para revisar os problemas ambientais mais recorrentes e as medidas já conhecidas para minimizá-los", afirma Mendes.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.