Descrição de chapéu Agora Campeonato Paulista

Hernanes reestreia no São Paulo com time totalmente renovado

Só 7 dos 30 jogadores que atuaram com o meia em 2017 continuam no clube

Alexandre de Aquino
São Paulo | Agora

O São Paulo encara o Guarani nesta quinta-feira (31), às 21h, no Pacaembu, com uma novidade no banco de reservas. Principal contratação do clube para 2019, Hernanes foi relacionado para o jogo e deve fazer sua estreia no Paulista-2019.

A intenção é que o meio-campista entre na etapa final para atuar alguns minutos. A comissão técnica avalia com cautela a situação do jogador, com medo de que Hernanes apresente problemas musculares.

Hernanes participa do treino no CT da Barra Funda; camisa 15 está pronto para estrear no Paulistão
Hernanes participa do treino no CT da Barra Funda; camisa 15 está pronto para estrear no Paulistão - Rubens Cavallari/Folhapress

Após jogar 90 minutos na Florida Cup –um tempo de cada partida– e disputar jogo-treino contra o São Caetano, na semana passada, Hernanes apresentou desgaste acima do normal. Por isso, faz trabalhos na academia para recuperar a melhor forma.

O retorno do meia aos gramados será paulatino. A ideia é que ele esteja em plena forma no jogo da Libertadores contra o Talleres, na quarta-feira (6). 

Certo é que, quando for a campo, será também um momento de redescoberta para Hernanes. Apenas 7 dos 30 jogadores que atuaram com ele em 2017 (sua última passagem pelo São Paulo) ainda estão no clube.

Na ocasião, os são-paulinos brigaram contra o rebaixamento no Brasileiro. Hernanes, que vinha de empréstimo do futebol chinês, acabou sendo o principal destaque na reação para livrar o time da Série B.

Até pelo mau rendimento, algumas mudanças inevitavelmente seriam feitas, mas a quantidade de saídas em tão pouco tempo surpreende.

Muitos atletas acabaram saindo para o clube equilibrar suas finanças. Em 2018, o clube se desfez de peças importantes, como o atacante Lucas Pratto, vendido ao River Plate, onde conquistou Libertadores.

Outro que deixou o elenco foi o lateral direito Éder Militão, vendido ao Porto e agora cobiçado pelo mercado europeu.

Araruna, Arboleda, Jucilei e Bruno Alves integram a lista de nomes que estavam na época e acabaram se fortalecendo no time desde então. Já o jovem Brenner fazia parte do elenco, mas, assim como na época, acabou não se firmando. O mesmo acontece com o lateral esquerdo Edimar. O meia argentino Jonatan Gómez, por sua vez, chegou a ser emprestado e agora está de volta. Nada, contudo, assegura que ele permanecerá no ano.

Onde estão os jogadores que estavam no São Paulo na última passagem de Hernanes pelo clube

Jogador Posição Para onde foi
Sidão Goleiro Goiás
Rodrigo Caio Zagueiro Flamengo
Petros Volante Al Nassr
Maicosuel Atacante Paraná
Marcos Guilherme Atacante Al-Wehda
Lucas Pratto Atacante River Plate
Júnior Tavares Lateral esquerdo Sampdoria
Gilberto Atacante Bahia
Lucas Fernandes Meia Portimonense
Denis Goleiro Figueirense
Cueva Meia Krasnodar
Éder Militão Lateral direito e zagueiro Porto
Renan Ribeiro Goleiro Sporting
Thomaz Meia Bolívar
Marcinho Atacante Goiás
Morato Atacante Ituano
Lucas Perri Goleiro Crystal Palace
Denilson Atacante Al-Faisaly
Aderllan Zagueiro Al-Ahli Jeddah
Buffarini Lateral direito Boca Juniors
Diego Lugano Zagueiro Aposentou
Wellington Nem Atacante Shakhtar Donetsk
Bruno Lateral direito Internacional
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.