Descrição de chapéu Seleção Brasileira

Ingresso para abertura da Copa América custará de R$ 190 a R$ 590

Partida será disputada no Morumbi, em São Paulo, no dia 14 de junho

Casa do São Paulo, o estádio do Morumbi receberá o jogo de abertura da Copa América
Casa do São Paulo, o estádio do Morumbi receberá o jogo de abertura da Copa América - Ronny Santos/Folhapress
Sérgio Rangel
Rio de Janeiro

​O ingresso para o jogo de abertura da Copa América deste ano, que acontecerá no estádio do Morumbi, em São Paulo, vai custar de R$ 190 a R$ 590.

A competição será disputada de 14 de junho até 7 de julho em cinco cidades. Além da capital paulista, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador e Porto Alegre sediarão o torneio.

Ingressos para a final, que será disputada no Maracanã, custarão de R$ 260 a R$ 890.

Os organizadores também venderão meia-entrada. A mais barata custará R$ 30. Na primeira fase, com exceção da abertura, ingressos custarão de R$ 60 a R$ 350.

A partir das 18h desta quinta-feira (10), um lote de 228 mil ingressos foi colocado disponível no site do evento. Muitos consumidores relataram problemas no processo de cadastramento, o que impedia a conclusão da compra.

O torcedor poderá comprar no máximo 5 ingressos em 7 partidas. O cartão de crédito é a única forma de pagamento. Todas as bandeiras serão aceitas.

A venda nas bilheterias acontecerá somente 60 dias antes da abertura do evento.

​​Além do Morumbi, a seleção brasileira jogará na primeira fase em Salvador, no dia 18 de junho, e no Itaquerão, no dia 22.

Os adversários da seleção serão definidos no dia 24 de janeiro, quando os organizadores farão o sorteio dos grupos.

Além dos 10 países do continente, Qatar e Japão também participarão do campeonato como convidados.

A última edição da Copa América realizada no Brasil foi em 1989, quando a equipe comandada por Sebastião Lazaroni venceu e acabou com um jejum de 40 anos sem erguer o troféu.

Primeira fase de venda de ingressos para a Copa América 2019

Venda começa nesta quinta (10), às 18h

Onde comprar: ingressos.copaamerica.com

228 mil
ingressos disponíveis nesta fase

  • Venda exclusiva no site será por ordem de chegada (não haverá sorteio) e ficará disponível até 24 de janeiro
  • Torcedores terão o limite de 5 ingressos por jogo e poderão escolher até 7 partidas
  • Única forma de pagamento é via cartão de crédito (todas as bandeiras são aceitas)
  • Entradas começam a ser entregues em março pelo Correio
  • Moradores do exterior e pessoas com meia-entrada precisam retirar as entradas nos centros de ingressos das cidades-sede mediante apresentação de documento

Outras fases de venda

  • 2ª fase: a partir de 25.jan
    • Após sorteio dos grupos, um novo lote de entradas será colocado à venda
    • Começa  a venda de ingressos em pacotes comerciais
       
  • 3ª fase: a partir de 15.abr
    • Abertura dos centros de troca e retirada de ingresso 
    • Começa a venda física de entradas

Preço dos ingresso (em R$)

  CAT 1 CAT 2 CAT 3 CAT 4 CAT 5*
Abertura 590 390 290 190 -
1ª fase 350 250 180 120 60
Quartas 400 280 220 140 80
Semi 590 390 290 190 100
3º lugar 350 250 180 120 60
Final 890 590 400 260 -

*Setores sem assento, apenas na Arena do Grêmio e Itaquerão

Calendário

Jogos do Brasil:

Brasil x A2 (Colômbia, Chile ou Peru)
14.jun, às 21h30 (abertura)
São Paulo (Morumbi)

Brasil x A3 (Venezuela, Paraguai e Japão)
18.jun, às 21h30
Salvador (Arena Fonte Nova)

Brasil x A4 (Equador, Bolívia ou Qatar)
22.jun, às 16h
São Paulo (Itaquerão)

Outras datas:

  • Quartas de final: 27 a 29.jun
  • Semifinais: 2 e 3 de julho
  • Disputa pelo 3º lugar: 6 de julho
  • Final: 7 de julho

Sorteio dos grupos

Dia 24.jan
Cidade das Artes, Rio de Janeiro

  • Sorteio definirá os três grupos do torneio, que terão quatro seleções cada (uma de cada grupo)
  • O Brasil será o cabeça de chave do Grupo A
  • Potes foram definidos pelo Ranking Fifa

Pote 1 (cabeças de chave)
Brasil
Uruguai
Argentina

Pote 2
Colômbia
Chile
Peru

Pote 3
Venezuela
Paraguai
Japão

Pote 4
Equador
Bolívia
Qatar

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.