São Paulo vence o Flu de virada e cola no líder Internacional

Com a vitória, equipe do técnico Fernando Diniz fica a um ponto da liderança

São Paulo

O jovem Brenner, de 20 anos, entrou no segundo tempo para ajudar o São Paulo a vencer o Fluminense por 3 a 1 na tarde deste domingo (6), no Morumbi. A partida foi válida pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Cria das categorias de base do time paulista, ele mostrou serviço com quatro minutos em campo. Fez o gol de empate e foi decisivo no gol da virada.

Brenner faz o gol de empate e abre o caminho da virada contra o Fluminense - Mauro Horita 6.set.2020/Fohapress

Com a vitória, o São Paulo chega aos 16 pontos e está um atrás do líder Internacional, que cedeu empate para o Bahia também neste domingo, por 2 a 2. O Fluminense, com 11 pontos, ocupa a sétima colocação.

Em uma tarde ensolarada e temperatura de 31ºC por volta das 16h, o São Paulo estreou o seu terceiro uniforme, uma camisa preta e com listras vermelha, branca e preta nas mangas.

Quando a bola rolou, o Fluminense tentou reter a posse de bola, mas foi o São Paulo quem ficou mais perto do gol, aos 11 minutos. Após cruzamento de Reinaldo, Igor Vinícius dominou a bola dentro da área, limpou a marcação de Luccas Claro e Yuri e chutou muito perto da trave de Marcos Felipe. Na sequência, o Fluminense fez Tiago Volpi trabalhar com chutes de Nenê e de Yuri.

A partida estava movimentada até que, aos 27 minutos, o VAR (árbitro de vídeo) entrou em ação. O árbitro Paulo Roberto Alves Júnior apontou para o pênalti diante do choque entre Igor Vinícius, do São Paulo, e Luccas Claro, do Fluminense. A arbitragem eletrônica levou quase quatro minutos para revisar o lance e, após isso, o juiz deu cartão amarelo para Igor Vinícius e marcou falta a favor do Fluminense.

O jogo perdia o seu ritmo quando Wellington Silva abriu o placar para o Fluminense aos 39 minutos. Depois de chutão do goleiro Marcos Felipe, Igor Vinícius se atrapalhou e viu Wellington Silva dominar a bola e mandar uma bomba de fora da área.

Na volta do intervalo, o técnico Fernando Diniz fez três substituições, tirou Igor Vinícius, Hernanes e Paulinho Bóia e colocou, respectivamente, Juanfran, Igor Gomes e Brenner. Foi este último quem empatou, aos quatro minutos da etapa final, e fez a jogada do segundo gol do São Paulo.

Igor Gomes cobrou escanteio, e Brenner ganhou de Egídio, na pequena área, e escorou para o gol. Aos oito, Brenner passou pela defesa do Fluminense e acertou trave. Na sobra, Luciano, diante do gol livre, só rolou para a rede. Aos 46, Vitor Bueno fez o terceiro com uma bomba no canto do goleiro Marcos Felipe.

Os dois times voltam a campo na quarta-feira (9). O São Paulo recebe o Red Bull Bragantino, às 19h15, no Morumbi, e o Fluminense faz clássico o Flamengo, às 21h30, no Maracanã.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.