Conversa sobre Lima Barreto é destaque desta terça de quarentena

Veja lista de shows, peças, filmes e museus para ver de casa no confinamento causado pelo novo coronavírus

São Paulo

Com o avanço do coronavírus, as atividades culturais estão suspensas de modo geral. Neste cenário, artistas e produtores estão fazendo shows caseiros transmitidos nas redes sociais, estreias de cinema migraram para o streaming, canais de TV abriram seus sinais, museus promovem visitas virtuais e vídeos de espetáculos de dança e de teatro foram disponibilizados na internet.

Para melhorar sua quarentena, preparamos uma lista de conteúdos para serem consumidos em casa nesta terça (7).

PODCAST


Para quem está preocupado com os impactos econômicos da pandemia do novo coronavírus no Brasil, uma dica é o último episódio do Rádio Companhia, podcast da Companhia das Letras. Nele, os economistas Marcos Lisboa e Samuel Pessôa, colunista da Folha, discutem esses efeitos, além das medidas tomadas por governos no Brasil e no mundo para tentar remediar uma provável recessão.

LIVROS


Em sua conta no Instagram, a editora também promove às 19h uma conversa com a historiadora Lilia Moritz Schwarcz, sobre o romance "Triste Fim de Policarpo Quaresma", de Lima Barreto. Schwarcz, uma das principais historiadoras em atividade no país, é também autora de "Triste Visionário", a biografia do escritor.

MÚSICA


O conhecido produtor americano Diplo transmite DJ sets diariamente, à 0h. Temáticas, as apresentações em sua casa são batizadas por nomes como “Corona Sabbath” e “Coronight Fever” e fazem parte da "Corona World Tour", transmitida em seu canal do YouTube.

Ao mesmo tempo o festival Fique em Casa, com artistas brasileiros e transmitido pelo YouTube, acontece de novo desta terça (7) até sexta (10), de 13h30 às 23h. Eles anunciam a programação em sua página no Instagram.

ARTES PLÁSTICAS


Os dois livros do artista Jimson Vilela, “Adaptável ao Espaço que as Palavras Ocupam”, de 2015, e “Narrativa”, de 2018, estão disponíveis a partir desta terça (7) no site da galeria Simone Cadinelli Arte Contemporânea. Os livros trazem imagens e textos do artista, além de ensaios críticos sobre sua obra.

CINEMA


A Livraria do Congresso dos Estados Unidos, em Washington, está disponibilizando, em seu site, filmes antigos que fazem parte do seu acervo, além de vídeos históricos, que somam mais de 7.000 obras. Para quem ficar perdido com tanta opção, a instituição costuma fazer uma curadoria na forma de playlists em seu canal no YouTube.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.