Descrição de chapéu Cinema

John Boyega diz que produção de 'Star Wars' privilegiou atores brancos

Em entrevista, artista afirma que Daisy Ridley e Adam Driver tiveram papéis mais aprofundados do que o seu

São Paulo | UOL

O ator John Boyega tem sido ativo nas discussões do Black Lives Matter, movimento antirracismo que ganhou força após a morte de George Floyd, nos Estados Unidos. Em uma entrevista à revista GQ, divulgada nesta quarta-feira (2), ele criticou a produção de "Star Wars", na qual interpretou o personagem Finn.

Boyega criticou os produtores pelo tratamento diferenciado que Finn recebeu, o que, segundo o ator, é explicado por sua raça. "Eles sabiam o que fazer com Daisy Ridley e Adam Driver. Mas quando chegou a Kelly Marie Tran e o John Boyega, não sabiam nenhum pouco", afirmou. "Então, eles querem que eu diga 'gostei da experiência, foi ótima'. Não, não não. Eu vou dizer quando for uma grande experiência."

Segundo o ator, outros personagens foram muito mais aprofundados do que o seu e o de Tran, atriz de ascendência asiática. "Eles deram todas as nuances para Adam Driver e Daisy Ridley. Sejamos honestos. Adam sabe. Daisy sabe. Não estou expondo nada desconhecido", criticou.

Homem negro olha para cima em cenário desértico
Ator John Boyega em cena de 'Star Wars: A Ascensão Skywalker' - Divulgação

Boyega disse ainda que aconselharia a Disney a não fazer marketing em cima de um personagem negro que é "diferenciado na franquia" e classificou a atitude como algo ruim e semelhante a "jogar de lado" o artista.

O ator apareceu pela primeira vez na franquia em "Star Wars: O Despertar da Força", lançado em 2015, e voltou em "Star Wars: Os Últimos Jedi" e "Star Wars: A Ascensão Skywalker".

"Sou o único integrante do elenco que teve sua experiência na franquia baseada na raça. Uma coisa dessas lhe deixa com raiva. Deixa mais militante, muda você", afirmou ele à revista. "Você percebe 'eu ganhei essa oportunidade, mas estou numa indústria que nem está preparada pra mim'. Ninguém viveu isso, e, ainda assim, tem gente surpresa que estou assim. Essa é a minha frustração."

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.