Correio alemão digitaliza carta física e envia conteúdo por email

Serviço ainda está em teste e custará R$ 104 por mês

São Paulo

Os alemães poderão receber agora suas correspondências físicas também por email.

A empresa de correios Deutsche Post passou a oferecer um serviço em que abre e digitaliza as cartas que um determinado endereço recebe e depois as envia para o email do destinatário.

O chamado E-Postscan não envia correspondências diretamente ao endereço do destinatário, como ocorre normalmente pelos correios. Primeiro, as cartas são enviadas para uma central de digitalização, onde os papéis são escaneados e enviados eletronicamente ao email do recebedor. Só depois a correspondência física segue para seu destino original.

00
Funcionário em centro de logística do grupo Deutsche Post/DHL, na Alemanha - Reuters

O serviço está em teste e, por isso, tem preço promocional. No primeiro mês, a digitalização é gratuita e nos cinco meses seguintes o custo é de € 5 (R$ 21) por mês. O contrato permanente, porém, tem mensalidade de € 24,99 (R$ 104).

Mas não é qualquer documento que será digitalizado e enviado. Segundo a Deutsche Post, há algumas condições, como a correspondência ter no máximo de 20 páginas, o papel não ser mais grosso que 1,2 mm e as páginas estarem facilmente destacáveis umas das outras (sem estarem grampeadas ou unidas por um clipe, por exemplo).

Nos termos e condições do serviço, o correio alemão informa que, para as correspondências serem digitalizadas, é preciso que elas sejam abertas e, por isso, não se pode excluir totalmente o risco de que seu conteúdo se torne conhecido.
 

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.