Obra descreve cortes drásticos para salvar empresas em crise

Claudio Galeazzi reúne histórias de reestruturações de empresas que liderou

Filipe Oliveira
São Paulo

No livro “Sem Cortes”, que narra a trajetória do executivo especialista em processos de reestruturação de empresas Claudio Galeazzi, 78, as demissões são contadas às centenas ou aos milhares.

A obra, escrita em parceria com o jornalista Joaquim Castanheira, registra os principais passos da carreira de Galeazzi, desde estudos (incompletos) nos Estados Unidos à atuação como executivo e depois consultor.

Partindo de empresas familiares para depois chegar a líderes do mercado brasileiro, Galeazzi teve papel de destaque em companhias como Lojas Americanas, Pão de Açúcar, BRF e BTG Pactual, por períodos de até três anos —máximo que ele diz aguentar em um mesmo projeto.

0
Galeazzi, então presidente-executivo do Pão de Açúcar, Abilio e Enéas Pestana, que viria a dirigir o grupo Brito Junior - 4.mar.10/Folhapress

Nas empresas mais problemáticas, a origem do desequilíbrio costuma apontar para o mesmo erro: priorização do crescimento das vendas em detrimento do controle de custos e de uma gestão de qualidade.

A dieta básica para companhias nesse cenário, que tem itens como fechamento de unidades deficitárias, encerramento de linhas de produtos pouco rentáveis e desligamento de profissionais, às vezes inclui casos curiosos, como ter de estancar gastos com o pagamento de rações de gansos dos sócios da empresa.

O objetivo dos cortes é eliminar tudo o que for necessário para salvar o que for possível.

Não é caso de ver nas ações bruscas de Galeazzi falta de empatia em relação ao sofrimento de quem está na empresa agonizante.

Galeazzi aponta saber em primeira mão o que sente quem passa por processo semelhante. Escreve, nos primeiros capítulos do livro, que seu maior aprendizado sobre crises agudas veio quando ele próprio quebrou, na faixa dos 40 anos, após o plano de alugar equipamentos para obras públicas a partir de sua empresa Armaq fracassou.

O executivo não esconde ter passado meses imóvel, sem sair do quarto, e ter analisado friamente alternativas para o suicídio antes de encontrar saída para a situação.

O livro também expõe histórias interessantes da relação entre Galeazzi e outros empresários de estilo marcante.

Apesar de dedicar muitos elogios ao trio formado por Jorge Paulo Lemann,  Beto Sicupira e Marcel Telles, bilionários donos de empresas como Ambev e Lojas Americanas, Galeazzi não deixa de cutucar o cultuado estilo de gestão baseado em meritocracia deles, dizendo que há ali uma frieza e um clima de competitividade excessivos. 

Também confidencia desentendimentos com Sicupira.

Noutro momento, reproduz carta enviada em 2015 ao banqueiro André Esteves, do BTG, que na ocasião havia acabado de ser preso em meio à Operação Lava Jato —a acusação de obstrução de Justiça foi arquivada pelo Supremo Tribunal Federal em 2018.

Por essas e outras, o livro de Galeazzi é mais corajoso do que a média das autobiografias empresariais.

Organizado de modo cronológico, não chega a sistematizar os ensinamentos de Galeazzi. Mas, com seus muitos exemplos bem documentados (inclusive com indicadores de desempenho de cada empresa citada), é possível ter uma visão prática sobre uma série de problemas comuns.

Poderá ser útil a um grande número de empresários brasileiros abatidos pela crise que procuram caminhos para se reerguer.

MAIS VENDIDOS

nesta semana/ semana passada    

TEORIA E ANÁLISE

/1º–    Scrum, Jeff Sutherland, ed. LeYa, R$ 34,90 
/3º–    O Livro dos Negócios (reduzido), Ian Marcousé, Globo Livros, R$ 59,90
/2º–    Rápido e Devagar, Daniel Kahneman, ed. Objetiva, R$ 62,90
/5º–    Antifrágil, Nassim Nicholas Taleb, Best Business, R$ 72,90
/4º–    Marketing 4.0, Philip Kotler, Hermawan Kartajaya e Iwan Setiawan, ed. Sextante, R$ 49,90

PRÁTICAS E PESSOAS

/1º–    A Sutil Arte de Ligar o F*da-se, Mark Manson, ed. Intrínseca, R$ 29,90 
/2º–    Seja Foda!, Caio Carneiro, ed.buzz, R$ 39,90
/4º–    Me Poupe!, Nathalia Arcuri, ed. Sextante, R$ 29,90
/7º–    O Poder do Hábito, Charles Duhigg, ed. Objetiva, R$ 59,90
/8º–    Os Segredos da Mente Milionária, T. Harv Eker, ed. Sextante, R$ 34,90

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.