Descrição de chapéu Folhajus

Jeff Bezos, fundador da Amazon, apoia aumento de impostos sobre empresas nos EUA

Proposta faz parte de ambicioso plano de infraestrura proposto por Joe Biden

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Francisco (Califórnia) | AFP

A Amazon apoiou nesta terça-feira (6) a proposta do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, de aumentar o imposto de renda corporativo para financiar um plano de infraestrutura, revelou o fundador da gigante do comércio online Jeff Bezzos em um comunicado publicado pela empresa no Twitter.

Poucos dias depois de Biden reclamar que a Amazon não paga impostos sobre os lucros, Bezos disse: "Apoiamos um aumento de impostos sobre (a renda das) empresas".

Jeff Bezos, da Amazon, apoia o aumento de impostos sobre empresas proposto pelo governo americano - Joshua Roberts - 22.jan.20/Reuters

“Reconhecemos que este investimento exigirá concessões de todas as partes, tanto nos detalhes do que está incluso quanto na forma de pagá-lo (somos a favor de um aumento no imposto corporativo).”

Bezos acrescentou: "Esperamos que o Congresso e o governo se unam para encontrar a solução certa e equilibrada que mantenha ou aumente a competitividade dos Estados Unidos".

A Amazon tem sido alvo de críticos há anos, que afirmam que a gigante do varejo online paga pouco ou nenhum imposto corporativo. A empresa tem defendido suas políticas, dizendo que seus investimentos compensam os impostos conforme pretendido pelo código tributário.

Biden propõe um programa de infraestrutura de US$ 2 trilhões, financiado em parte pelo aumento do imposto sobre as empresas de 21% para 28%, e pela eliminação do uso de paraísos fiscais.

No mês passado, Biden citou um estudo de 2019 mostrando que 91 empresas da Fortune 500, "as maiores empresas do mundo, incluindo a Amazon, não pagam um único centavo de imposto de renda federal", e acrescentou: "Isso é simplesmente errado".

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.