Descrição de chapéu Governo Trump

Trump reclama de ida ao G7 e pensa em desistir de viagem, diz jornal

Segundo o Washington Post, presidente considera a viagem ao Canadá uma perda de tempo

São Paulo

O presidente americano Donald Trump tem reclamado a aliados da viagem que fará nesta sexta (8) ao Canadá e ameaça cancelar sua participação no encontro do G7 (grupo das sete economias mais desenvolvidas do mundo).

A informação foi divulgada nesta quinta-feira (7) pelo jornal americano Washington Post.

Segundo a publicação, o presidente teria dito que a ida ao Canadá para a cúpula seria uma distração que poderia atrapalhar sua preparação para a reunião que terá com o ditador norte-coreano Kim Jong-un na próxima terça (12) em Singapura —considerada a prioridade atual da política externa americana. 

Trump teria dito a assessores que o encontro do G7 é uma perda de tempo, porque ele discorda da maioria dos líderes que estarão presentes no Canadá e não gostaria de ouvi-los reclamar das atuais políticas comerciais americanas. 

A cúpula acontece em Charlevoix, uma cidade rural próxima a Québec. 

O Washington Post diz ainda que Trump estaria irritado porque deve se encontrar na cidade canadense líderes com os quais não se dá bem, como a chanceler alemã Angela Merkel, a primeira-ministra britânica Theresa May e o premiê canadense Justin Trudeau. 

Caso realmente desista de comparecer ao encontro, Trump deve ser substituído por seu vice, Mike Pence, como ocorreu em abril durante a Cúpula das Américas.

Apesar disso, porém, a maioria dos assessores acredita que Trump deve manter o plano e ir ao Canadá, mas que lá pode manifestar críticas ao G7 e se recusar a assinar o comunicado conjunto ao fim do encontro. Ele deve ficar no país até sábado (9), de onde vai viajar direto para Singapura.   

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.