Vencida pela oposição, eleição para prefeito em Istambul é anulada

Maior cidade turca era controlada há 25 anos pelo partido do presidente Erdogan

Ancara (Turquia) e Istanbul | AFP e Reuters

O Alto Comitê Eleitoral da Turquia (YSK) ordenou nesta segunda (6) que as eleições municipais em Istambul, vencidas pela oposição, sejam repetidas, e que o candidato a prefeito vitorioso tenha seu mandato cassado. A informação é da agência de notícias estatal Anadolu. 

O Partido Justiça e Desenvolvimento (AKP, na sigla em turco), do presidente Recep Tayyip Erdogan, de orientação islâmica e conservadora, havia pedido uma nova votação para prefeito na maior cidade do país devido a supostas "irregularidades" que, segundo eles, alteraram os resultados do pleito de 31 de março. 

Ekrem Imamoglu, candidato opositor que ganhou as eleições para prefeito em Istambul
Ekrem Imamoglu, candidato opositor que ganhou as eleições para prefeito em Istambul - Bulent Kilic - 21.abr.19/AFP

Um representante do AKP, Recep Ozel, argumentou que documentos que mostravam os resultados não foram assinados e que alguns mesários não eram funcionários públicos. O comitê eleitoral ainda não fez um pronunciamento oficial a respeito.

"As eleições em Istambul serão realizadas novamente", disse Ozel, complementando que o novo pleito deve ocorrer em 23 de junho. O partido de Erdogan perdeu o controle da cidade após 25 anos no poder.

Saiu vencedor o candidato opositor, Ekrem Imamoglu, do Partido Popular Republicano (CHP). Ele ganhou com a estreita margem de 15 mil votos a mais e assumiu o cargo em 17 de abril, após a recontagem dos votos. 

Imamoglu disse nesta segunda (6) que esperaria por um comunicado oficial do Alto Comitê Eleitoral. "Estou ciente de que todos estão curiosos sobre uma decisão a meu respeito. Eu ouvi coisas. Mas vou aguardar a decisão, a declaração oficial do comitê", afirmou em suas redes sociais.

A decisão de anular a eleição e encomendar uma nova foi tomada em uma reunião do comitê eleitoral em Ancara para discutir um recurso apresentado pelo AKP contra os resultados. 

O partido de Erdogan também saiu derrotado nas eleições na capital, Ancara. 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.