Descrição de chapéu Folha Informações

Não é verdade que urnas eletrônicas foram apreendidas pela PM no Amazonas

Mensagem compartilhada afirma que equipamento era transportado por carro particular

Diana Lott
São Paulo

Urnas eletrônicas não foram apreendidas em carro particular no Amazonas, como relata uma corrente de WhatsApp que circulou nos últimos dias.

Segundo a mensagem, o veículo estaria transportando ilegalmente o equipamento a Autazes, município no interior do estado, quando teria sido parado em uma blitz da PM.

tela de celular com fotos de urnas eletrônicas na caçamba de uma caminhonete
Fotos compartilhadas foram feitas por policial militar, segundo o TRE-AM - Reprodução

A polícia informou que se tratava de carro oficial do Tribunal Regional Eleitoral. O veículo foi abordado por policiais da 8° CIPM de Iranduba (AM) durante a operação "Sentinelas do Amazonas – Ação Comunidade Segura” na tarde do último sábado (20).

Durante o procedimento, não foi constatada nenhuma irregularidade.

As fotos que circulam na internet, ainda segundo a PM amazonense, foram tiradas por um dos policiais, que decidiu compartilhá-las em suas redes sociais.

O TRE-AM (Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas) afirmou em nota que duas pessoas, um chefe de cartório e um servidor efetivo da Justiça Eleitoral, estavam a caminho de Manaus e decidiram “aproveitar” a viagem para levar as duas urnas para manutenção.

O Tribunal chamou a atitude de “inconsequente”, por contribuir para a disseminação de informações inverídicas na Internet, e informou que o policial “responderá a um procedimento da Polícia Militar”.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.