Descrição de chapéu Moda Praia

Com pouca estrutura, Ponta Grossa é destaque no Ceará

Praia tem corredor de falésias avermelhadas que forma piscinas naturais durante a maré baixa

Roberto de Oliveira

Em um litoral de 573 km de extensão, rabiscado por dunas, coqueiros e lagoas, o Ceará oferece um cardápio generoso de praias. No extremo leste do estado, quase na divisa com o Rio Grande do Norte, o município de Icapuí guarda uma surpresa: a praia de Ponta Grossa.

À beira-mar, estende-se um corredor de falésias avermelhadas a perder de vista.

Algumas delas entram pelo oceano (daí o nome, Ponta Grossa), o que faz com que piscinas naturais fiquem ainda mais convidativas ao se formarem durante a maré baixa.

Sobre formações rochosas de variados tons de amarelo, laranja, ocre e bordô, há dunas cobertas em alguns trechos por vegetação de restinga.

A água do mar permanece quentinha quase o ano inteiro, numa região onde os termômetros registram média de 28°C. Os ventos são mais fortes entre agosto e setembro, ideais para a prática de esportes náuticos.

Na praia de Ponta Grossa, porém, a estrutura ainda é bastante limitada, com duas ou três barracas onde se pode comer. Há opções de hospedagem na vizinha Praia da Redonda, outro destaque do litoral leste cearense.

Para chegar lá, saindo da capital, Fortaleza, o visitante vai levar cerca de duas horas e meia de carro até o município de Icapuí, hoje com cerca de 20 mil habitantes.

Esse não é um lugar para ser conhecido em um passeio do tipo bate e volta, como muitos fazem quando visitam a praia anterior, Canoa Quebrada —atualmente, concorrida demais. Além de ser um esquema cansativo, nesse tipo de viagem sempre falta tempo para explorar as riquezas da região.

Vai aqui uma dica gastronômica: a lagosta de Icapuí é considerada a mais gostosa do litoral cearense —e essa é a opinião de quem vive lá.

Longe de feriados prolongados, quando cai a concorrência, por R$ 135 (em média) duas pessoas podem saborear a cauda acompanhada de arroz com brócolis e salada, em barracas de praias e restaurantes da cidade.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.