Painel

Editado por Guilherme Seto (interino), espaço traz notícias e bastidores da política. Com Danielle Brant

Salvar artigos

Recurso exclusivo para assinantes

assine ou faça login

Painel

Penetra do casamento de Lula e Janja compareceu à posse de Zanin no STF

Advogado Antonio Freitas Junior publicou fotos ao lado do ministro e de sua esposa na cerimônia

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Brasília

O advogado Antonio Freitas Junior, que compareceu sem ter sido convidado ao casamento do presidente Lula (PT) com a primeira-dama, Rosângela da Silva, a Janja, no ano passado, esteve na posse do ministro Cristiano Zanin no STF (Supremo Tribunal Federal) em Brasília, em agosto.

Junior publicou fotos ao lado de Zanin e sua esposa, Valeska Teixeira Zanin Martins. "Ministro Cristiano Zanin, na cerimônia de sua posse no Supremo Tribunal Federal. Mais um momento inesquecível", escreveu nas redes sociais.

Ao Painel, ele diz que entrou em contato com o cerimonial, afirmando que havia cumprimentado o ministro no casamento do presidente, e solicitou um convite como representante da OAB-SP (Ordem dos Advogados do Brasil) de São Paulo —ele diz que não exerce nenhum cargo de direção da entidade.

O presidente Lula e a primeira-dama, Janja, na cerimônia de posse do ministro Cristiano Zanin no STF
O presidente Lula e a primeira-dama, Janja, na cerimônia de posse do ministro Cristiano Zanin no STF - Pedro Ladeira-3.ago.23/Folhapress

"Entrei em contato com o gabinete, com o cerimonial, disse que conhecia o futuro ministro e se eu poderia ter um convite como representante da OAB. Devem ter analisado e me mandaram a credencial no outro dia. Não fui de penetra, não", diz.

Em maio de 2022, o advogado entrou no local do casamento do petista como um "penetra" e foi expulso por seguranças. Por causa do ocorrido, ele foi exonerado do cargo que exercia na prefeitura de Itapevi (SP).

Procurado via assessoria de imprensa, Zanin diz que não conhece o advogado e não o convidou para a sua posse.

"Eventos desse tipo não são apenas para convidados pessoais do empossando. Também são autorizadas a entrar pessoas que estejam ou acompanhem quem esteja na lista protocolar de convidados, que envolve embaixadores, parlamentares, ministros de cortes superiores e outros previstos em resolução", diz a nota.

LINK PRESENTE: Gostou deste texto? Assinante pode liberar cinco acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Leia tudo sobre o tema e siga:

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.