Descrição de chapéu Chuvas

Chuva de quinta e sexta em SP foi mais do que o dobro do previsto para julho

Capital paulista também teve a tarde mais fria do ano; veja previsão para feriado

São Paulo

Em dois dias, a cidade de São Paulo registrou mais do que o dobro do previsto para chover em todo o mês de julho, e ainda teve a tarde mais fria do ano na capital, nesta sexta-feira (5).

Segundo o CGE, Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas da prefeitura, apenas a precipitação ocorrida nestas quinta (4) e sexta já ultrapassou a média esperada para o mês, de 43,5mm. Só na quinta foram 69,2mm. Na sexta, até as 13h foram registrados mais 22,2mm, um total de 91,4mm, mais que o dobro esperado para o mês de julho.

Os próximos dias não devem ter chuvas, mas mantêm a tendência de baixas temperaturas. São Paulo teve média de 14,5°C na sexta, segundo o CGE.

A média foi mais de três graus mais baixa do que a tarde anterior mais fria, em 4 de junho, com 17,9°C.

Mesmo com o sol voltando a aparecer sobre a região metropolitana neste sábado (6), uma massa de ar polar ainda se encontra sobre a área.

Conforme o centro da prefeitura, as temperaturas devem variar entre mínimas de 6ºC e máximas que não superam os 15ºC, neste sábado.

O domingo (7), será mais um dia de sol e baixas temperaturas na Grande São Paulo. As mínimas previstas são em torno dos 5°C, enquanto as máximas permanecem abaixo dos 16°C. Também não há expectativa de chuva.

O feriado prolongado da Revolução Constitucionalista, celebrado na terça (9) segue a mesma tendência —dias sem chuva e com frio durante as madrugadas e início das manhãs.

Confira abaixo o funcionamento dos principais serviços na Grande São Paulo:

PODE NEVAR NO SUL

De acordo com o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), havia condições que favoreciam a queda de neve nas serras gaúcha e catarinense na madrugada deste sábado. As madrugadas dos próximos dias podem também ter geadas causadas pelo ar frio nas regiões produtoras de café (norte do Paraná, sul de Minas Gerais e na região de Franca, em São Paulo).

Ainda conforme o Inmet, as temperaturas podem atingir até -6°C nas áreas serranas da região Sul.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.