Descrição de chapéu Coronavírus

SP fecha lojas, mas outros estados mantêm centros de compras abertos

Em ao menos 13 estados, shoppings terão período de atendimento reduzido; em outros nove não haverá alteração

Curitiba , Recife, Belo Horizonte, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro , Brasília e Porto Alegre

Ao contrário da orientação mais extrema do governador João Doria (PSDB) em São Paulo de fechamento imediato, ao menos 13 estados vão manter abertos os shoppings e suas lojas, mas com período reduzido de atendimento.

Em outros nove estados, não haverá alteração mesmo com os casos confirmados do novo coronavírus no país. Continuam abertos, mas com algum tipo de limitação no horário, os shoppings de Minas Gerais, Paraná, Ceará, Pernambuco, Espírito Santo, Paraíba, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Norte, Sergipe, Pará, Amazonas e Acre.

Já em estados do Nordeste (Bahia, Alagoas, Maranhão e Piauí) e do Norte (Tocantins, Roraima e Rondônia), a decisão foi por manter o mesmo horário de funcionamento nos shopping centers.

O Rio de Janeiro foi o estado no país a tomar medidas mais drásticas para restringir a circulação de pessoas.

Além de limitação de passageiros no transporte público, o decreto do governador Wilson Witzel (PSC) recomendou, por 15 dias, o fechamento de shoppings, centros comerciais e estabelecimentos congêneres.

Vista da fachada do Shopping Center Norte, na zona norte de São Paulo
Vista da fachada do Shopping Center Norte, na zona norte de São Paulo - Rubens Cavallari - 18.mar.20/Folhapress

Os bares, restaurantes e lanchonetes que funcionam nos locais, porém, podem continuar em funcionamento, mas com redução em 30% do horário do funcionamento.​

Em Santa Catarina, foi decretado estado de emergência, com fechamento de shoppings, lojas e academias.

Farmácias, supermercados, serviços funerários, postos de combustível, distribuidoras de gás e água devem permanecer atendendo à demanda dos catarinenses, bem como os serviços de saúde.

O Rio Grande do Sul, em nível estadual, ainda não tomou medidas nesse sentido. Entretanto a Prefeitura de Porto Alegre decretou emergência por 30 dias, também com fechamento de shoppings e academias a partir desta quinta-feira (19).

São exceções, na capital gaúcha, farmácias, clínicas de saúde, supermercados, restaurantes e locais de alimentação localizados nesses centros de comércio.

Em Goiás, decreto de Ronaldo Caiado (DEM) estendeu por 15 dias o fechamento das escolas a bares, restaurantes, clubes, academias e lojas, tanto de rua como de shopping.

Se não por decreto público, em outros estados a iniciativa de reduzir o horário de atendimento foi tomada pelos empresários, como antecipara a Alshop (Associação Brasileira de Lojistas de Shopping) na terça (17) ao recomendar o funcionamento das 12h às 20h.

Em Belo Horizonte, a partir desta quarta-feira (18), três shoppings administrados pela Multiplan —Diamond Mall, Pátio Savassi e BH Shopping—irão abrir às 12h e fechar às 20h pelos próximos 15 dias.

A Multiplan diz ainda que já foram adotadas medidas para intensificar limpeza e higienização nas dependências dos centros comerciais, em nota divulgadas nos sites destes.

Os mesmos horários foram adotados pelos shoppings Del Rey, Minas, Boulevard e Cidade. Neste último, o horário de domingo será das 12h às 18h.

Em Curitiba, o horário de atendimento dos principais shoppings também foi reduzido, como do Shoppings Muller e Estação, cujas lojas atenderão das 12h às 20h. No Jokey Plaza, as lojas funcionarão das 13h às 21h e, aos domingos, das 14h às 20h.

Em Natal, também foi adotado o regime de horário reduzido em shopping centers, como medidas de prevenção e contenção ao surto de Sars-CoV-2. A partir desta quarta, Midway Mall, Praia Shopping e Natal Shopping abrem as portas às 12h e fecham às 20h.

No Espírito Santo, shoppings de Vitória e região metropolitana também anunciaram a decisão de reduzir horários: Boulevard Vila Velha (das 10h às 12h), Vitória Shopping, Mestre Álvaro, Praia da Costa, Shopping Montserrat e Moxuara, (12h às 20h). Horários especiais podem ser conferidos nas redes sociais dos centros.

Em Mato Grosso, os centros de compra já começaram a atender a partir desta quarta das 12h às 20h, em dias úteis​.

Em Campo Grande, os principais shoppings anunciaram horário reduzido de atendimento das lojas, que passa a ser das 12h às 20h: Shopping Campo Grande; Shopping Bosque dos Ipês; Shopping Norte Sul Plaza.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.