Descrição de chapéu Coronavírus

Veja o que pode abrir, como e onde durante quarentena em SP

Estado tem plano gradual, regional e setorizado para retorno das atividades

São Paulo

Desde 11 de junho, o governo de São Paulo iniciou afrouxamento gradual, setorial e regional da quarentena, instituída desde 23 de março para combater a pandemia do coronavírus.

O estado foi dividido em regiões. Índices relacionados ao número de mortes, internações e casos de Covid-19, bem como a capacidade do sistema de saúde (por exemplo, taxa de ocupação de leitos de UTI), indicam em qual fase da flexibilização o local se encontra, o que pode voltar a funcionar e como.

O governo atualiza semanalmente a classificação de cada região e cabe às prefeituras efetivar ou não o permitido pelo estado. A capital São Paulo, atualmente na fase amarela (a terceira), já autorizou o funcionamento, com restrições, do comércio de rua e shoppings, bares e restaurantes, salões de beleza, academias, clubes sociais, parques, cinemas e atividades culturais em geral.

A volta das aulas presenciais, prevista para o dia 8 de setembro, foi adiada para o dia 7 de outubro. As escolas podem, porém, abrir para atividades de recuperação e acolhimento de alunos a partir da data definida anteriormente.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.