Descrição de chapéu Coronavírus

Covas anuncia vacinação de moradores de rua e profissionais de saúde acima de 53 anos

Categorias contempladas incluem veterinários, psicólogos, nutricionistas, entre outros

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A gestão Bruno Covas (PSDB) anunciou nesta quinta-feira (25) a vacinação de funcionários de várias áreas da saúde acima de 53 anos, moradores de rua, trabalhadores da assistência social e de cemitérios na cidade de São Paulo.

O anúncio foi feito em entrevista coletiva sobre medidas de combate ao coronavírus.

Segundo o calendário divulgado, todas essas categorias e grupos serão vacinadas a partir do dia 29.

Profissionais da saúde já estão sendo vacinados, com prioridade para quem está na linha de frente. Com essa ampliação, estão contemplados profissionais de diversas áreas da saúde, como nutricionistas, fisioterapeutas, dentistas, veterinários, entre outros (veja lista abaixo).

Já pessoas a partir de 69 anos serão vacinados a partir desta sexta-feira (26), seguindo informação do governo estadual anunciada na quarta (24).

O governador João Doria (PSDB) anunciou na quarta também que policiais e professores serão vacinados, a partir de 5 e 12 de abril, respectivamente.

Atualmente, já foram vacinados quilombolas, profissionais da saúde e idosos a partir de 72 anos. No cronograma informado, não há previsão sobre pessoas da terceira idade abaixo de 68 anos.

Especialistas entrevistados pela Folha disseram que idosos e pessoas com comorbidade deveriam ser vacinadas antes de categorias profissionais, enquanto outro alertou para a dificuldade de fazer a fiscalização de quem tem comorbidades no caso da inclusão do grupo entre as prioridades.

Conforme a Folha mostrou, a iniciativa de Doria e Covas não são únicas neste sentido de incluir categorias. Vereadores de São Paulo querem aprovar uma lei para incluir suas bases eleitorais entre os grupos que receberão as vacinas em negociação pela gestão Covas, mas não há um posicionamento da administração a respeito do assunto ainda.

Seria um projeto autorizativo, que não obriga o prefeito a cumprir essa priorização, mas já funcionou como um aceno dos parlamentares a suas bancadas. Entre as categorias citadas já são funcionários públicos, motoristas de ônibus, motoristas de táxi, motofretistas, sepultadores, coletores de lixo, entre outros.

O presidente da Câmara, Milton Leite (DEM), estabeleceu a regra que sejam categorias que tenham contato com o público.

O governador soltou uma nota na tarde desta quinta afirmando que a vacinação de professores e policiais não prejudicará o cronograma de idosos. Segundo ele, novas faixas etárias serão anunciadas nesta sexta-feira (26).

OXIGÊNIO

A gestão também anunciou a instalação de 19 usinas de oxigênio em abril. As usinas poderão produzir 9.000 M³/dia, o equivalente a 900 cilindros. O custo será de R$ 9.536.720.

A prefeitura afirmou também que haverá a criação de 60 leitos de UTI, 180 de enfermaria e outros 55 leitos não voltados aos pacientes com coronavírus.

A gestão Covas afirmou que serão liberados os pagamentos do auxílio emergencial municipal, que beneficiarão 1.287.422 pessoas.

Veja o cronograma

  • Idosos acima de 69 anos - a partir do dia 26, em UBS e drive-thrus
  • Profissionais de saúde com 53 anos ou mais* - a partir do dia 26, em UBS
  • Ampliação aos usuários em situação de rua cadastrados dos centro de acolhida local - a partir do dia 29, em UBS/consultório na rua
  • Ampliação aos demais trabalhadores no atendimento a vulneráveis - dos equipamentos públicos de Smads e Smdhc, a partir do dia 29, em UBS
  • Ampliação aos demais profissionais dos cemitérios públicos, a partir do dia 29, em UBS

Lista de profissionais de saúde incluídos*

  • Todos aqueles que atuam em espaços e estabelecimentos de assistência e vigilância à saúde, sejam eles hospitais, clínicas, ambulatórios, laboratórios e outros locais. desta maneira, compreende os profissionais de saúde
  • Prioridades: médicos • enfermeiros / técnicos e auxiliares • nutricionistas • fisioterapeutas/ terapeutas ocupacionais • biólogos • biomédicos / técnicos de laboratório que façam coleta de rt pcr sars-cov-2 e análise de amostra de covid-19 • farmacêuticos / técnico de farmácia • odontólogos / asb – auxiliar de saúde bucal / tsb - técnico de saúde bucal • fonoaudiólogos • psicólogos • assistentes sociais • profissionais da educação física • médicos veterinários
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.