Descrição de chapéu São Paulo

Palmeiras consolida liderança e São Paulo segue jejum no Brasileiro

Time de Felipão manteve 3 pontos de vantagem na ponta e clube do Morumbi está em 4º

São Paulo

A rodada dos confrontos diretos entre os candidatos ao título brasileiro confirmou duas tendências. A condição do Palmeiras de maior favorito a conquistar o troféu e a queda do São Paulo.

Com dois adversários no chão, Deyverson sai em disparada para comemorar o primeiro gol do Palmeiras contra o Grêmio
Deyverson sai em disparada para comemorar o primeiro gol do Palmeiras contra o Grêmio - Paulo Whitaker/Reuters

Líder do torneio até o início de setembro, o clube do Morumbi hoje está na quarta posição, a sete pontos do primeiro colocado, o Palmeiras.

O líder mostra sinais de força na briga pelo título porque, por mais que Luiz Felipe Scolari mude a equipe, mescle titulares com reservas ou utilize um time alternativo por causa da Libertadores, sai de campo vencedor.

Desde a demissão de Roger Machado, após derrota para o Fluminense, em 25 de julho, o Palmeiras jogou 14 vezes pelo Brasileiro. Empatou 3 e ganhou 11. Neste domingo, a vítima foi o Grêmio por 2 a 0, no Pacaembu. Scolari usou a base titular contra o adversário, que tinha seis desfalques.

“Para mim, o Palmeiras tem o melhor elenco do Brasil”, afirmou à Folha Renato Gaúcho, técnico gremista.

O confronto pelo Brasileiro pode ter sido uma prévia. Os dois times estão nas semifinais da Libertadores e há chance de se encontrarem na final. Se isso acontecer, a segunda partida será no Allianz Parque.

Desde a derrota para o Atlético-MG, em 5 de setembro, quando deixou a ponta, o São Paulo jogou seis vezes. Ganhou apenas uma, em 8 de setembro, diante do Bahia. Perdeu duas. A última, neste domingo (14) para o Internacional, em Porto Alegre.

Com a vitória por 3 a 1, o clube gaúcho chegou à segunda posição, com 56 pontos. O São Paulo estacionou nos 52.

Se a vitória palmeirense nunca pareceu em dúvida pela superioridade em campo, o São Paulo parecia ter chances reais de acabar com a má fase, voltar a vencer e mostrar que está na disputa pelo título. Com velocidade no ataque, abriu o placar com gol do meia Liziero.

Mas com as mesmas oscilações que já havia mostrado em outras partidas, levou a virada com duas finalizações  de Leandro Damião, que ainda sofreu pênalti nos acréscimos, convertido pelo uruguaio Nico López.

Leandro Damião aponta para o escudo do Internacional após marcar o gol de empate contra o São Paulo
Leandro Damião aponta para o escudo do Internacional após marcar o gol de empate contra o São Paulo - Luiz Munhoz/Recorte do Olhar/Ag.O Globo

Damião, que surgiu como possível centroavante da seleção brasileira, mas teve a imagem manchada por passagens ruins por Santos, Real Bétis (ESP), Cruzeiro e Flamengo, tenta reconstruir sua reputação no Internacional, que o revelou.

Com sete gols, ele é o vice-artilheiro do time no Brasileiro, atrás de López (nove).

É recuperação parecida com a de Deyverson no Palmeiras. Atacante contratado a pedido de Cuca em 2017, ele chegou a nem ser relacionado para partidas neste ano com Roger Machado.

Foi reabilitado por Scolari e fez os dois gols da vitória da equipe sobre o Grêmio.

Deyverson se encaixa no centroavante clássico dos elencos vencedores de Felipão. O atacante de área, que não prima necessariamente pela técnica, mas que incomoda os zagueiros adversários e consegue gols.

Assim como Damião, ele é o segundo principal goleador de sua equipe no Brasileiro, com sete anotados. O primeiro é Willian (nove).

Palmeiras e Grêmio são duas equipes que tentam se equilibrar em duas competições. Os paulistas levam vantagem, pelo menos no Brasileiro, pela variação de elenco que Scolari tem à disposição. Apesar dos gols, Deyverson pode não enfrentar o Boca Juniors (ARG), no próximo dia 24, em Buenos Aires. 

O comando do ataque deve ficar com Miguel Borja, que está com a seleção colombiana em amistosos.

É uma possibilidade de variação que Diego Aguirre não possui no São Paulo. Ele sofre com a queda de rendimento de jogadores importantes, como Diego Souza, Nenê e Jucilei. O volante poderia ter sido expulso durante o segundo tempo contra o Inter por causa de uma falta violenta e por trás em Nico López.

“Acontecem coisas, os resultados não acompanham. É soma de momentos, de situações. Sinto que é uma das razões para o nível de nosso jogo não ser o mesmo de um tempo atrás”, constatou Aguirre após a derrota no Beira-Rio, onde foi campeão gaúcho de 2015.

Apesar do revés, o Grêmio, assim como o São Paulo, não está completamente fora da disputa pelo título nacional. Com 51 pontos, permanece em quinto lugar.

Além de Palmeiras, São Paulo, Internacional e Grêmio, o Flamengo pode sonhar em ser campeão. Após a vitória sobre o Fluminense por 3 a 0 no sábado (13), chegou aos 55 pontos.

Na próxima rodada, o São Paulo recebe o Atlético-PR no sábado (20). No dia seguinte, o Palmeiras também atua em casa, contra o Ceará. É provável que Scolari use escalação reserva por causa do confronto com o Boca, três dias depois. Mas, ao menos até agora, isso não foi um problema.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.