Com gol de Gabriel Jesus, Manchester City vence o Real na Champions

Brasileiro empatou a partida, antes de Kevin De Bruyne virar para os ingleses

S√£o Paulo

Com gol do brasileiro Gabriel Jesus, o Manchester City largou na frente do Real Madrid com a vitória por 2 a 1 nesta quarta-feira (26), no Santiago Bernabéu, na partida de ida das oitavas de final da Champions League.

Os espanh√≥is abriram o placar aos 15 minutos do segundo tempo com o meia-atacante Isco, que aproveitou passe de Vinicius J√ļnior para marcar o seu primeiro no torneio desde setembro de 2018, quando anotou diante da Roma, pela fase de grupos da edi√ß√£o 2018/2019.

Titular da equipe em Madri no lugar do argentino Sergio Ag√ľero, que ficou no banco, o atacante Gabriel Jesus deixou tudo igual de cabe√ßa aos 23 da etapa final, anotando o seu quinto gol na competi√ß√£o.

Jesus comemora com Mahrez o gol de empate do City contra o Real no Santiago Bernabéu
Jesus comemora com Mahrez o gol de empate do City contra o Real no Santiago Bernabéu - Sergio Perez/Reuters

Cinco minutos após o empate, Sterling foi derrubado na área por Carvajal e sofreu pênalti. O belga Kevin De Bruyne foi para a cobrança e virou o jogo, decretando o triunfo inglês na capital espanhola.

Depois da virada, Gabriel Jesus ainda for√ßou a expuls√£o do capit√£o do Real, Sergio Ramos. No lance, o atacante partiu em velocidade em dire√ß√£o √† grande √°rea e foi derrubado pelo zagueiro, √ļltimo homem da defesa antes do goleiro Courtois.

Foi o primeiro jogo do Manchester City na Champions League depois do banimento anunciado pela Uefa por desrespeito √†s regras do fair play financeiro, resolu√ß√£o que impedir√° o clube de participar de competi√ß√Ķes europeias pelas pr√≥ximas duas temporadas, caso n√£o haja revers√£o da medida na CAS (Corte Arbitral do Esporte).

Em Manchester, a equipe do técnico Pep Guardiola tentará evitar a quinta eliminação de times ingleses para o Real Madrid em confrontos de mata-mata do torneio.

Um desses duelos, inclusive, foi contra o Manchester City, na semifinal de 2015/2016, quando o time empatou sem gols na Inglaterra e venceu por 1 a 0 na capital espanhola, garantiu um lugar na decis√£o e levantou a ta√ßa ap√≥s vencer o rival Atl√©tico nas penalidades.

Além do City, o Real eliminou também o Tottenham, nas quartas de final de 2010/2011, o Manchester United, nas oitavas de final de 2012/2013, e bateu o Liverpool na final da Champions de 2017/2018, quando conquistou o seu terceiro título consecutivo da competição, todos sob o comando de Zinédine Zidane.

No outro jogo desta quarta-feira, o Lyon venceu a Juventus por 1 a 0, na França, e precisa de um empate em Turim para garantir a classificação às quartas de final.

O gol dos franceses foi marcado pelo volante Lucas Tousart, aos 23 minutos do primeiro tempo.

Tousart comemora o gol da vitória sobre a Juventus em Lyon, na França
Tousart comemora o gol da vitória sobre a Juventus em Lyon, na França - Jean-Philippe Ksiazek/AFP

‚ÄčA vit√≥ria do Lyon marcou a estreia do meio-campista brasileiro Bruno Guimar√£es, ex-Athletico-PR, na Champions League. Em janeiro, o jogador fez parte da sele√ß√£o brasileira sub-23 que disputou o Pr√©-Ol√≠mpico e se classificou para a Olimp√≠ada de T√≥quio.

Cristiano Ronaldo, que passou em branco novamente, tem apenas dois gols nesta edição da Champions. Caso a Juventus seja eliminada na partida de volta, na Itália, e o português não marque, ele registrará sua pior marca no torneio desde 2005/2006, quando não marcou gols.

Tópicos relacionados

Coment√°rios

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.