Descrição de chapéu Campeonato Brasileiro 2020

Corinthians diz que não realizará testes de Covid-19 no Einstein

Hospital é parceiro da CBF no monitoramento dos exames para o Campeonato Brasileiro

São Paulo

Após a suspensão do jogo entre Goiás x São Paulo neste domingo (9), o Corinthians afirmou que não realizará os testes de Covid-19 de seu elenco no Hospital Albert Einstein para a sequência do Campeonato Brasileiro.

Corinthians não fará seus exames de Covid para o Brasileiro no Hospital Albert Einstein
Corinthians não fará seus exames de Covid para o Brasileiro no Hospital Albert Einstein - Adriano Vizoni - 2.ago.2020/Folhapress

O Einstein é o parceiro da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) no monitoramento dos exames para a viabilidade de disputa do Nacional.

"O departamento médico do clube, ao verificar diversas falhas e inconsistência nos testes realizados até aqui por outras equipes, resolveu seguir com os exames realizados pelo mesmo laboratório de confiança utilizado durante a disputa do Campeonato Paulista", afirmou o Corinthians, em nota.

Em Goiânia, o duelo entre o Goiás e o São Paulo foi adiado em razão de casos positivos de atletas esmeraldinos, que ficaram sabendo do contágio na manhã deste domingo, depois que exames coordenados pelo Einstein em um laboratório terceirizado pelo hospital tiveram problemas na última quinta (6).

A nova bateria de exames só pôde ser realizada na sexta (7), e os resultados foram entregues na manhã deste domingo. De acordo com os goianos, dez jogadores receberam diagnóstico positivo de Covid-19 horas antes de enfrentar o clube do Morumbi, dos quais oito seriam titulares —uma contraprova dos testes feita horas antes do duelo informou nove resultados positivos.

O protocolo sanitário da CBF para a disputa do Brasileiro na pandemia determina que os testes sejam feitos até 72 horas antes do início do jogo. Isso para que a entidade aprove, com até 24 horas para o apito inicial, a lista de profissionais que estão liberados para participar dele.

O Einstein confirmou o problema nos procedimentos iniciais. A instituição, inclusive, se vê novamente em meio a um problema envolvendo o processo de testes em jogadores.

O hospital foi notificado pelo Procon na última terça-feira (3) depois de informar erroneamente 26 casos positivos de Covid-19 no Red Bull Bragantino, antes das quartas de final do Campeonato Paulista, contra o Corinthians.

Confira a nota do Corinthians na íntegra:

"O Sport Club Corinthians Paulista informa que os jogadores, comissão técnica e demais colaboradores do departamento de futebol realizarão os testes para a Covid-19 antes de todos os jogos do Campeonato Brasileiro, conforme prevê a Diretriz Técnica Operacional de Retorno das Competições CBF. No entanto, os exames não serão feitos pelo Hospital Albert Einstein.

O Departamento Médico do Clube, ao verificar diversas falhas e inconsistência nos testes realizados até aqui por outras equipes, resolveu seguir com os exames realizados pelo mesmo laboratório de confiança utilizado durante a disputa do Campeonato Paulista.

Desta forma, o Corinthians pode dar mais segurança a todos os seus colaboradores e também às equipes adversárias."

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.