Descrição de chapéu Televisão

Ator que fez Spock vira velhinho que mata crianças em série

Zachary Quinto vive criatura em 'NOS4A2', inspirada em livro do filho de Stephen King

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Era uma vez um velhinho que protegia crianças negligenciadas ou vítimas de abuso dos pais. Ele as levava para um lugar mágico chamado Christmasland (terra do Natal), onde ser feliz era obrigatório por lei. Também se alimentava da alma dos pequeninos —e o que sobrava delas o velhinho transformava em vampiros.

Parece uma história de Stephen King? Pois é do filho dele, Joe Hill. Seu terceiro livro, “NOS4A2” (pronuncia-se “Nosferatu”, o mesmo título com que a obra foi lançada no Brasil), foi adaptado para uma série de TV, que estreia nesta segunda (3), às 22h30, no canal pago AMC.

O protagonista de “NOS4A2” é Charlie Manx, uma criatura sobrenatural que assume o aspecto de um homem. Ao longo da primeira temporada, ele surge em cinco idades diferentes, dos 40 aos 135 anos. Por baixo da complicada maquiagem está o ator Zachary Quinto (o novo doutor Spock da franquia “Star Trek”), que esteve no Brasil promovendo o lançamento do programa.

“Eu não me interesso por papéis de galãs”, disse Quinto a este repórter. “Prefiro personagens estranhos e complexos. Charlie Manx é um deles, uma figura sombria, manipuladora. Ele está sempre faminto, sempre querendo agarrar alguma coisa. Também sabe seduzir usando as palavras. Por isso, na hora de compô-lo, eu dei atenção especial às mãos e à voz.”

O criador do visual do vilão é o maquiador Joel Harlow, que ganhou um Oscar há nove anos justamente pelo filme “Star Trek”, do qual Quinto participou.

Para ser caracterizado como a versão mais idosa de Manx, o ator levava até quatro horas. Depois, na pausa para o almoço, precisava comer com todo cuidado, e passar por retoques para voltar a filmar. “Mas pelo menos não coçava”, ri ele.

Charlie Manx não é imbatível. Ele irá medir forças com a adolescente Vic McQueen (Ashley Cummings, que no final deste ano também será vista na versão para o cinema do badalado romance “O Pintassilgo”). A princípio, a garota parece ser mais uma vítima perfeita para o vampiro —ela se sente ignorada pelos pais, que vivem em um constante estado de guerra.

Mas Vic tem algo diferente dos outros jovens. Logo no primeiro episódio, ela descobre possuir uma misteriosa capacidade de encontrar objetos perdidos. Basta atravessar de moto uma ponte coberta sobre um rio, que ela chegará ao lugar onde está o item extraviado. Outros poderes aparecerão, a ponto de Charlie enxergá-la não como uma ameaça, mas como uma possível figura materna para suas crianças.

Zachary Quinto ressalta que a relação entre os dois antagonistas é tão importante quanto os sustos pregados no espectador. “Nossa série é, em primeiro lugar, entretenimento. Mas ‘NOS4A2’ também quer discutir o conceito de família. Charlie Manx não vê a si mesmo como um sujeito mau.”

A primeira temporada cobre apenas um terço do romance de Joe Hill, que tem mais de 700 páginas. Ainda não se fala em uma segunda temporada. O canal AMC prefere medir a reação do público antes de retomar a produção da série.

Enquanto isto, Zachary Quinto se prepara para rodar o remake de “Os Rapazes da Banda” (1970), um dos primeiros filmes a retratar os homossexuais de maneira realista, com o mesmo diretor e elenco da montagem teatral que esteve em cartaz na Broadway em 2018. Todos os atores são assumidamente gays: entre outros, Jim Parsons (“The Big Bang Theory”) e Matt Bomer (“Magic Mike”), além do próprio Quinto.

NOS4A2

  • Quando Nesta seg.(3), 22h30
  • Onde No AMC
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.