Descrição de chapéu Livros

Bienal do Livro do Rio terá edição presencial com somente 50% do público

Evento, que exigirá comprovante de vacinação, também terá atividades online, devido à pandemia

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A Bienal do Livro do Rio fará sua próxima edição de maneira híbrida, mesclando atividades online e presenciais. O evento ocorrerá entre os dias 3 e 12 de dezembro, no Riocentro, na Barra da Tijuca, e numa plataforma digital.

Uma nota divulgada pela organização do evento diz que a parte presencial do festival literário deve acontecer com apenas 50% da capacidade de público, em razão da Covid-19.

Público troca livros em ambiente externo
Público faz fila e troca livros com temática LGBT distribuídos pelo youtuber Felipe Neto na Bienal do Livro do Rio 2019 - Bruno Molinero/Folhapress

"O objetivo é que a Bienal aconteça quando toda a população carioca a partir de 12 anos estiver imunizada, de acordo com o planejamento da Prefeitura do Rio", diz o comunicado, ressaltando, porém, que o festival "só ocorrerá se houver condições para isso".

Segundo a organização, a Bienal exigirá um comprovante de vacinação e o uso de máscara.

Na última edição, ocorrida em setembro de 2019, o evento sofreu uma tentativa de censura do então prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB).

“A Prefeitura determinou que os organizadores da Bienal do Livro recolhessem esse livro ['Vingadores - A Cruzada das Crianças'], que traz conteúdo sexual para menores”, disse Crivella, em vídeo. E em menos de 24 horas da declaração, a organização recebeu uma notificação extrajudicial e a notícia repercutiu pelo país.

“A Cruzada das Crianças” foi publicada pela Marvel nos Estados Unidos em 2010. Em 2012, a Panini publicou a versão brasileira em duas revistas e, em 2016, ela saiu num único volume pela editora Salvat.

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.