Demanda de passageiros sobe 4,3% no 1º trimestre em voos domésticos

Avianca tem queda de 8,4% no total de pessoas transportadas

São Paulo

A demanda por voos domésticos no país subiu 4,3% no primeiro trimestre de 2019 em número de passageiros pagantes por quilômetro voado, segundo a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil).

Foram transportados 25 milhões de passageiros no período, pouco mais de 1 milhão a mais que o registrado de janeiro a março do ano passado, de acordo com a agência. 

Apesar da redução da participação de mercado da Avianca Brasil, quarta maior companhia do setor, em recuperação judicial desde dezembro, a oferta total de assentos disponíveis por quilômetro voado aumentou 3,4% nos três primeiros meses do ano.

No quesito oferta, a Avianca foi a única entre as grandes companhias a apresentar retração de janeiro a março. A queda foi de 7,5%. A empresa transportou 2,98 milhões de passageiros no período, 8,4% a menos na comparação anual.

A empresa viu sua participação de mercado cair 12,2% no trimestre, para 11,9%.

A Azul, que atendeu 20,7% da demanda, foi a única aérea entre as quatro grandes do segmento que cresceu sua fatia de mercado no período. Teve alta de 14,2%. 

A Gol, líder do setor, manteve sua participação, de 36,2%, e a Latam teve queda de 2,8%, para 30,8%.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.