Descrição de chapéu Coreia do Norte

Coreia do Norte gasta milhares de dólares na compra de cavalos de raça da Rússia

Ditador do país fez cavalgadas em monte sagrado para reforçar imagem de liderança

Moscou e Seul | Reuters

A Coreia do Norte gastou dezenas de milhares de dólares para comprar 12 cavalos puro-sangue da Rússia, de acordo com dados alfandegários russos.

O ditador Kim Jong-un realizou cavalgadas no monte sagrado Paektu, em outubro e em dezembro, que foram extensivamente divulgadas ao redor do mundo.

O ditador Kim Jong-un cavalga no monte Paektu, em outubro - KCNA/Reuters

A Coreia do Norte tem uma longa história de compra de cavalos caros da Rússia. Os dados de alfândega, revelados pela agência sul-coreana NK News, mostram que o rebanho foi ampliado recentemente.

No ano passado, houve a compra de 12 cavalos, pelo valor de US$ 75.509 (R$ 326 mil).

Foi a maior compra desde 2015, quando o país de Kim Jong-un gastou US$ 192.204 (R$ 830,2 mil, na cotação atual) em 61 cavalos russos. 

Ao todo, a Coreia do Norte importou 138 cavalos entre 2010 e 2019, por um custo de US$ 588 mil (R$ 2,5 milhões), de acordo com os dados russos.

A imagem de Kim cavalgando em uma trilha branca de neve foi planejada para mostrar aos norte-coreanos que o país tem um homem de força e escolhido pelo destino no comando, avaliam analistas.

A Coreia do Norte está sob sanções internacionais, como pressão para que o governo desista de seus programas de mísseis e de armamentos nucleares. O país não fornece dados de sua economia para organismos internacionais há décadas. 

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.