Descrição de chapéu
Todd Ensign

Ensino de robótica é revolução do aprendizado

Estudantes constroem seus próprios conhecimentos

Crianças brincam de eletrônica e robótica no Sesc 24 de Maio, em São Paulo - Juca Varella - 20.ago.17/Folhapress
Todd Ensign

Em um mundo onde a tecnologia muda rapidamente, onde uma quantidade aparentemente infinita de informações está a apenas alguns passos de distância, o conceito de conhecimento, aprendizado e como podemos melhor educar os alunos também deve evoluir.

Para que a próxima geração contribua para uma sociedade democrática e seja capaz de abordar questões como mudanças climáticas, veículos autônomos e inteligência artificial, os estudantes precisam ser alfabetizados no uso e nas aplicações da ciência, tecnologia, engenharia e matemática (Stem, na sigla em inglês), além de entender como processar e usar as vastas quantidades de dados disponíveis.

Como nossos próprios conceitos de conhecimento mudaram da memorização de informações para a capacidade de processar e usar essas informações para resolver problemas do mundo real, há uma necessidade crescente de ferramentas e técnicas para envolver os alunos no processo de aprendizagem.

Em contraste com o estilo didático de ensino, onde o professor transfere conhecimento a seus estudantes, a aprendizagem é mais efetiva quando eles constroem conscientemente seus próprios conhecimentos e compartilham o que aprenderam por meio de apresentações.

O moderno movimento de ensino da robótica evoluiu a partir de um trabalho desenvolvido no MIT (Massachusetts Institute of Technology) sobre as primeiras plataformas robóticas para ensinar programação e geometria. Atualmente, existem dezenas de plataformas educacionais de robótica que combinam conteúdos acessíveis e adequados a diversas idades, interfaces flexíveis e programação computacional para ensinar ciência e matemática com métodos de engenharia. O uso da robótica em sala de aula aumenta a compreensão dos alunos sobre conceitos de Stem, além de desenvolver a autoconfiança e o interesse ao engajá-los na resolução de problemas usando análise de dados, simulações e programação.

Na educação, o Brasil está atrás de outros países desenvolvidos e em desenvolvimento em avaliações de matemática e ciências. E, para competir na economia global, é fundamental aumentar o conhecimento dos alunos em disciplinas Stem. O ensino da robótica pode ajudar a envolver os estudantes e melhorar sua compreensão de matemática e ciências.

Mas por que a robótica educacional é importante para os alunos? Embora não seja uma cura para todos os problemas acadêmicos, ela transfere o aprendizado do professor para o aluno, envolve os estudantes em programação e raciocínio computacional, prepara e inspira-os a buscar carreiras Stem, além de ter o potencial de aumentar a participação de populações sub-representadas nessa área.

Todd Ensign

Professor-assistente na Fairmont State University (EUA) e diretor no Centro de Recursos de Educadores da Unidade de Verificação e Validação Independente da Nasa (agência espacial americana)

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.