Descrição de chapéu Café da Manhã senado

Os encontros e desencontros da relação entre Bolsonaro e centrão; ouça podcast

Bloco de partidos oferece apoio ao governo, mas queda na popularidade do presidente e pandemia podem estremecer aliança

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

Eleito com um discurso antipolítica, o presidente Jair Bolsonaro tem hoje na sua base de apoio no Legislativo o grupo de partidos conhecido como centrão --uma aliança construída com a cessão de cargos no governo para essas legendas, que em troca oferecem simpatia às pautas do Planalto no Congresso.

Mas há atritos. Recentemente, o governo rejeitou a candidata do deputado Arthur Lira (PP-AL) e outros parlamentares influentes do bloco para comandar o Ministério da Saúde. A cardiologista Ludhmilla Hajjar foi preterida pelo também médico Marcelo Queiroga.

Em jogo, há outros fatores que podem balançar a aliança entre Bolsonaro e centrão, como a queda da popularidade do presidente; a alta no número de casos e mortes por Covid-19, no momento mais crítico da pandemia; a demora do governo em pagar a nova rodada do auxílio emergencial; e a volta do ex-presidente Lula à bolsa de apostas eleitoral para 2022.

Para entender os cálculos que o centrão faz para continuar aliado a Bolsonaro, os fatores que podem estremecer essa relação e o que muda no governo diante disso, o Café da Manhã desta sexta-feira (19) conversa com o jornalista Thomas Traumann, ex-ministro da Secretaria de Comunicação Social no governo Dilma Rousseff.

O programa de áudio é publicado no Spotify, serviço de streaming parceiro da Folha na iniciativa e que é especializado em música, podcast e vídeo. É possível ouvir o episódio clicando abaixo. Para acessar no aplicativo basta se cadastrar gratuitamente.

Ouça o episódio:

O Café da Manhã é publicado de segunda a sexta-feira, sempre no começo do dia. O episódio é apresentado pelos jornalistas Magê Flores e Maurício Meirelles, com produção de Guilherme Botacini, Laila Mouallem e Victor Lacombe. A edição de som é de Thomé Granemann.

Imagem de capa do podcast Café da Manhã, com o nome do programa escrito sobre vários recortes de jornais. Logos de de Spotify e Folha de S.Paulo podem ser vistas nos cantos
Podcast Café da Manhã - Reprodução
  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Leia tudo sobre o tema e siga:

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.