Descrição de chapéu Folha, 97

Folha premia especial 'Um Mundo de Muros'

Reportagem mostra o impacto dessas construções na vida das pessoas

Área de garimpo ilegal na floresta. Ao canto esquerdo da foto, um funcionário do Ibama, vestido de preto, lança spray para se defender de um índio garimpeiro, que está deitado no chão

Garimpo ilegal na terra indígena Mundurucu, no sudoeste do Pará Avener Prado/Folhapress

São Paulo

A série de reportagens "Um Mundo de Muros – As barreiras que nos dividem", idealizada por Patrícia Campos Mello e Lalo de Almeida, recebeu o Prêmio Folha de Jornalismo de 2017. Desde 1993, a premiação é concedida anualmente aos melhores trabalhos produzidos pelos profissionais do jornal.

Reconhecida também pelo Comitê Internacional da Cruz Vermelha de Cobertura Humanitária Internacional e pelo Prêmio Rei da Espanha, a série foi inspirada na pesquisa de Elisabeth Vallet, Zoe Barry e Josselyn  Guillarmou (Cátedra Raoul Dandurand de Estudos Estratégicos e Diplomáticos da Universidade de Quebec em Montreal), que aponta número inédito de construções de muros em fronteiras. Existiam 15 em 1991, número que saltou a 70.

A Folha foi a quatro continentes e produziu sete reportagens que expõem como as barreiras físicas foram criadas sob o argumento de contornar problemas como miséria, terrorismo, desemprego e guerra, e o efeito dessas divisões na vida das pessoas.

Publicada de junho a setembro, a série foi produzida por Campos Mello, Almeida e mais 20 jornalistas.

Fizeram parte do júri de 2017 José Henrique Mariante, secretário-assistente de Redação da Folha, Paula Cesarino Costa, ombudsman da Folha, César Camasão, editor responsável do Agora São Paulo, e os colunistas da Folha Laura Carvalho e Hélio Schwartsman.

Digital

Três trabalhos ligados a comportamento digital foram premiados neste ano. Na categoria Reportagem, a distinção foi concedida a Fabio Victor por "A Engrenagem das Notícias Falsas no Brasil".

O texto mostra como funciona a fábrica de títulos sensacionalistas e fake news que se disseminam nas redes sociais, e a dificuldade que a maioria dos leitores tem em distinguir boatos de informações confiáveis.

Na categoria Serviço foi escolhido o trabalho "Apague suas Pegadas", de Raphael  Hernandes e Mario  Kanno. A reportagem mapeia rastros digitais dos usuários de redes sociais e aplicativos e ensina como gerir essas informações e excluí-las dos serviços.

Já o prêmio de Edição foi concedido a Matheus Magenta, Daniel Mariani, Simon Ducroquet, Fábio Takahashi e Thea Severino, por Música muito popular brasileira.

O especial foi concebido a partir do levantamento de 134 bilhões de plays no YouTube com base nesses dados, foi possível mapear os artistas mais populares do Brasil na atualidade.

Foto mostra a cantora Marília Mendonça em "movimento" enquanto canta, com quatro poses diferentes
Cantora de música sertaneja Marília Mendonça durante show na cidade de Bauru - Adriano Vizoni/Folhapress

Um site especial permite pesquisar qual artista ou estilo musical é mais popular em cada região do país.

Além dos cinco jornalistas, 14 profissionais trabalharam no especial.

Imagem

O repórter fotográfico Avener Prado foi premiado por "Investigação Ibama". A foto, publicada na Primeira Página da Folha (a imagem principal desse texto), retrata um índio garimpeiro sendo contido por um funcionário do Ibama. O garimpo ilegal de ouro em terra da tribo Mundurucu, no Pará, destruiu um pequeno rio e foi denunciado pelos índios.

Na categoria Arte, a Folha reconheceu "90 Dias da Gestão Doria". A infografia de Adams Carvalho, Kleber  Bonjoan e Thea Severino foi baseada em bonequinhos de papel e representou os figurinos vestidos pelo prefeito de São Paulo no início do mandato.

A premiação na categoria Especial foi entregue à série de entrevistas "Criança do Dia", de Paulo Saldaña, Fabio Victor, Emiliano Goyeneche, Eduardo Knapp e Marina Garcia. A equipe ouviu 26 crianças de todas as regiões da cidade de São Paulo sobre temas da atualidade.

A comissão julgadora concedeu ainda menção honrosa a Rosely  Sayão, colunista da Folha por 29 anos.

Durante esse período, ela escreveu sobre relacionamento entre pais e filhos.

Rosely Sayão, em pé, veste uma roupa preta e posa para retrato em um fundo escuro
Rosely Sayão, psicóloga e ex-colunista da Folha - Bruno Santos/Folhapress

Grande Prêmio Folha

"Um Mundo de Muros - As barreiras que nos dividem"

Premiados: Patrícia Campos Mello e Lalo de Almeida

Equipe:  Angelo Dias, Avener Prado, Daigo Oliva, Diogo Bercito, Edson Sales, Fabiano Maisonnave, Irapuan Campos, Isabel Fleck, José Henrique Mariante, Kleber  Bonjoan, Luciana Coelho, Marcelo Pliger, Renan Marra, Roberto Dias, Rogério Pilker, Rubens Alencar, Simon Ducroquet, Thea Severino, Thiago Almeida e Victor Parolin 

Publicação: Junho a setembro

Editoria: Mundo

Multimídia: folha.com/mundodemuros


Reportagem

"A Engrenagem das Notícias Falsas no Brasil"

Premiado: Fabio Victor

Editoria: Ilustríssima

Publicação: 19.fev


Serviço

"Apague suas Pegadas"

Premiados: Raphael Hernandes e Mario Kanno

Publicação: 21.out

Editoria: Mercado


Edição

"Música Muito Popular Brasileira"

Premiados: Matheus Magenta, Daniel Mariani, Simon Ducroquet, Fábio Takahashi e Thea Severino

Equipe: Alexandra Moraes, Amanda Nogueira, Felipe Maia, Gustavo Alonso, Rafael Gregorio, Thales de Menezes, Victoria Azevedo, Mastrangelo Reino, Fabiano de Vito, Kleber Bonjoan, Angelo Dias, Thiago Almeida, Rogério Pilker e Rubens Alencar

Publicação: 15.dez

Editoria: Ilustrada

Multimídia folha.com/musicapopular


Especial

"Criança do Dia"

Premiados: Paulo Saldaña, Fabio Victor, Emiliano Goyeneche, Eduardo Knapp e Marina Garcia

Publicação: 1º a 12.out

Editoria: Várias

Multimídiafolha.com/criancadodia


Arte

"90 Dias da Gestão Doria"

Premiados: Adams Carvalho, Kleber  Bonjoan e Thea Severino

Publicação: 9.abr

Editoria: Cotidiano


Menção honrosa

Rosely  Sayão, colunista da Folha por 29 anos

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.