Faça pequenas reformas para deixar sua casa mais funcional

Novidades em bricolagem permitem desde trocar o piso até pintar azulejos na quarentena sem quebra-quebra

Danae Stephan
São Paulo

Depois de mais de dois meses de isolamento, moradores começam a perceber problemas de arquitetura e decoração em suas casas e impulsionam o mercado de bricolagem.

Segundo levantamento da rede Leroy Merlin, do início da quarentena até o final de abril houve um aumento de 1.000% no número de compras.

“As pessoas estão vivenciando a própria casa e começam a descobrir problemas de arquitetura, decoração e iluminação que não eram tão incômodos antes”, diz a arquiteta Nicole Gomes, de São Paulo.

Ambientes que não funcionam como deveriam, home office apertado e até falta de utensílios domésticos dificultam o dia a dia. “Eu só notei que não tinha espremedor de batata quando fui obrigada a cozinhar”, diz a arquiteta Consuelo Jorge, de São Paulo.

Mesmo trabalhos mais estruturais, como revestimentos de piso e parede, podem ser feitos pelos moradores.

“Esse setor evoluiu muito nos últimos anos, com soluções para cobrir piso e paredes azulejadas sem quebradeira”, afirma Consuelo.

O piso vinílico, queridinho dos decoradores pela facilidade de instalação e variedade de padronagens, pode ser aplicado sobre cimento, pedra e cerâmica. Já o laminado aceita também contrapisos de madeira.

Na parte de decoração, pequenas mudanças podem render grande impacto visual. A começar pela iluminação. “Uma dica simples: troque a luz branca da cozinha por uma amarela”, diz Nicole. “Só essa inversão já dá outra percepção do ambiente.”

Para repaginar móveis, há tintas especiais e novidades que facilitam o processo, como a lixa líquida e o gel removedor de verniz da Akzo Nobel. Eles fazem parte da linha Alabastine, que tem nove produtos para limpar, preencher e nivelar superfícies de alvenaria, madeira e metal.

Para delimitar o espaço de home office, o arquiteto Bruno Moraes, de São Paulo, aconselha aproveitar divisórias que já façam parte da decoração, com cobogós, ou usar uma pintura especial, como a geométrica.

Organize o hall

Hall projetado pelo escritório Stal Arquitetura
Hall projetado pelo escritório Stal Arquitetura - Divulgação

Em tempos de pandemia, a sapateira sai do quarto e vai para o hall de entrada, como neste projeto da Stal Arquitetura. “É bom ter ali uma prateleira ou banco e um cabideiro para pendurar bolsas e casacos, além de uma bandeja com álcool em gel e papel toalha”, diz Consuelo Jorge. Há opções de sapateira-banco em lojas online, ideais para ambientes pequenos.

Dê um toque industrial

Ambiente pintado com tinta da Coral, cor "mergulho sereno", que simula efeito de cimento queimado
Ambiente pintado com tinta da Coral, cor "mergulho sereno", que simula efeito de cimento queimado - Divulgação

O acabamento de cimento queimado é barato e durável, mas exige habilidade na hora de aplicar. Se a ideia é usar nas paredes ou no teto, já existem tintas que simulam o efeito. A Coral tem 12 tonalidades de cimento queimado, contra 6 da Suvinil. Neste ambiente ao lado, foi aplicada a cor ‘mergulho sereno’, da Coral.

Valorize o verde

Apartamento projetado pela arquiteta Consuelo Jorge
Apartamento projetado pela arquiteta Consuelo Jorge - Divulgação

Trazer a natureza para dentro de casa é um jeito rápido e barato de mudar o ambiente. Se o espaço for pequeno, prefira as plantas aéreas, como neste projeto de Consuelo Jorge. Uma horta também cai bem,
mas exige mais cuidados. “Para completar a mudança, troque as capas das almofadas e combine com uma manta de sofá”, diz Consuelo.

Delimite o escritório

Ambiente com pintura geométrica, pintado com tintas da Coral
Ambiente com pintura geométrica, pintado com tintas da Coral - Divulgação

Tendência na decoração, a pintura geométrica é um jeito de mudar a cara do ambiente e ainda ajuda a delimitar o espaço de trabalho. Em ambientes muito pequenos, vale investir em listras verticais, que dão sensação de amplitude. Aqui, foram usadas as cores ‘doce de tangerina’, ‘grandes sertões’ e ‘verde iônico’, todas da Coral. A dica para não errar é selecionar cores da mesma paleta, combinando tons claros e intensos.

Aposte na luz indireta

Apartamento de 34 metros quadrados projetado pela Andrade e Mello Arquitetura e Interiores
Apartamento de 34 metros quadrados projetado pela Andrade e Mello Arquitetura e Interiores - Divulgação

Invista em luminárias de piso e de clipe e em arandelas. Elas ajudam a aquecer os ambientes e podem ser trocadas de lugar de acordo com o uso. A arquiteta Nicole Gomes também indica instalar fitas de LED, como neste projeto da Andrade & Mello. “Elas são baratas e dão um efeito divertido, além de melhorar a iluminação de bancadas de maquiagem e banheiros”, diz. Na LabLuz, em São Paulo, o metro custa a partir de R$ 54.

Renove a lavanderia

Lavanderia pintada com tinta Suvinil
Lavanderia pintada com tinta Suvinil - Divulgação

A técnica de pintura em caixa —aplicação da mesma tinta em portas e paredes— é uma saída para dar charme a esse cantinho geralmente desprezado. Para a pintura, o ideal é uma tinta multisuperfícies, como esta da Suvinil. Nos metais, use spray fosco. Durante a quarentena, vale investir em um cabideiro, para separar as roupas de sair

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.