Primeiro voo direto da  Austrália ao Reino Unido dura 17 horas

Trajeto operado pela Qantas Airlines exigiu revezamento de 4 pilotos na cabine

Avião da companhia aérea Qantas é mostrado por trás durante a decolagem, já no ar
Avião da companhia aérea australiana Qantas decola em Sydney - Daniel Munoz/Reuters
São Paulo

A empresa aérea australiana Qantas Airlines realizou, no dia 24 de março, a primeira viagem direta entre a Austrália e o Reino Unido. 

O voo durou pouco mais de 17 horas: decolou de Perth às 18h50 e pousou em Londres às 5h03 do dia seguinte, no horário local. A capital britânica está sete horas atrás da cidade do oeste australiano no fuso horário. 

O trajeto, de 14.470 quilômetros, foi feito a bordo de um Boeing 787 Dreamliner, que levou pouco mais de 200 passageiros e 16 tripulantes. Quatro pilotos se revezaram na cabine.

Uma passagem de ida e volta no voo, saindo de Perth em 21 de maio e retornando em 3 de junho, custava a partir de R$ 3.434 na última terça-feira (3).

Em 1947, a viagem aérea entre Sydney e Londres, também operada pela Qantas e conhecida como Rota Canguru, levava, entre seis paradas e tempo de voo em si, quatro dias. Só no ar eram 55 horas.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.