Conheça cinco destinos para amantes da cachaça

Bebida é celebrada nacionalmente dia 13 de setembro

São Paulo

A consultora de bebidas Isadora Bello Fornari, conhecida como Isadinha, indica regiões para conhecer a produção de cachaça, celebrada nacionalmente no dia 13 de setembro 

Minas Gerais
Nos arredores de Tiradentes fica o engenho Século XVIII, um dos mais antigos em funcionamento no país. Perto dali, em Prados, a cachaçaria Mazuma oferece tours pela linha de produção, de onde saem cachaças com passagens por diferentes madeiras, como amburana e jequitibá. 
​facebook.com/cachacaseculoxviii
mazuma.com.br

 

Sul da Bahia
Perto da cidade de Prado, a fazenda Cio da Terra, do rótulo Matriarca, foi a primeira a usar jaqueira no envelhecimento da bebida. Há também a fazenda Chapada do Boiadeiro, em Ilhéus, de onde sai a cachaça Rio do Engenho, feita com diferentes madeiras no mesmo barril. 
matriarca.com.br
riodoengenho.com.br

Paraíba
No estado, é tradicional o armazenamento em freijó, madeira que deixa a bebida mais seca e com pouca coloração. No engenho Triunfo, em Areia (a 135 km de João Pessoa), o visitante pode conhecer o processo de fabricação. Já em Bananeiras, nos arredores, é possível conhecer a Rainha, aguardente clássica que chega a 50% de álcool.
cachacatriunfo.com.br
facebook.com/CachacaRainha

Rio de Janeiro
A cachaçaria Maria Izabel, em Paraty, fica à beira-mar. A produção é pequena, e o canavial fica logo ao lado. A degustação acontece em um espaço com vista para o mar. Perto do centro de Paraty, a Coqueiro, oferece, além da cachaça, também licores.
cachacapedrabranca.com
mariaizabel.com.br
cachacacoqueiro.com.br

Rio Grande do Sul
A região produz variedades menos alcoólicas e com presença mais forte de madeira no sabor. Na cidade de Ivoti, a premiada destilaria Weber Haus tem estrutura moderna
weberhaus.com.br

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.