Descrição de chapéu Coronavírus

Crianças com mais de 12 anos vão receber vacina contra Covid-19 nos EUA

Agência americana concedeu autorização de uso emergencial ao imunizante da Pfizer/BioNTech para a faixa etária nesta segunda-feira (10)

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

São Paulo

A FDA, agência regulatória dos Estados Unidos, concedeu autorização de uso emergencial da vacina contra a Covid-19 desenvolvida pela Pfizer e pela BioNTech para crianças com mais de 12 anos de idade. Até então, somente adolescentes com mais de 16 anos podiam receber a injeção no país.

"A ação de hoje permite que uma população mais jovem seja protegida da Covid-19, nos levando para mais perto de um retorno à normalidade e do fim da pandemia", afirmou em um comunicado Janet Woodcock, comissária da FDA.

"Os pais e responsáveis podem ficar tranquilos. A agência realizou uma revisão rigorosa de todos os dados disponíveis, assim como fizemos com todas as vacinas que têm autorização para uso emergencial", disse a comissária.

Frascos da vacina da Pfizer são vistos em escola no Panamá - Luis Acosta - 4.mar/France Presse

Em março, a Pfizer e a BioNTech divulgaram que a vacina foi segura e 100% eficaz para evitar o surgimento da Covid-19 em crianças com idades de 12 a 15 anos, segundo dados de um estudo feito com mais de 2.000 jovens.

De acordo com o jornal The New York Times, o grupo representa cerca de 17 milhões de pessoas nos Estados Unidos.

Dados do CDC (Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos), entre março de 2020 e abril de 2021, aproximadamente 1,5 milhão de jovens na faixa etária dos 11 aos 17 anos desenvolveram a doença no país.

Crianças e adolescentes geralmente têm as formas mais leves da Covid-19 e raramente manifestam complicações relacionadas à doença. Ainda assim, existem riscos, e a vacinação dos mais jovens deve ampliar a retomada das aulas presenciais.

A imunização do grupo ainda não tem data para iniciar, mas alguns estados já preparam campanhas de vacinação para as crianças, segundo o New York Times.

Pelo menos outras quatro vacinas contra a Covid-19 são testadas em jovens com menos de 16 anos de idade (CoronaVac, Moderna, CanSino e Novavax).

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.