Italo Ferreira acirra disputa por vagas olímpicas do Brasil no surfe

Atleta do Rio Grande do Norte é vice-campeão da etapa da França do Mundial

São Paulo

O surfista brasileiro Italo Ferreira, 25, foi vice-campeão da etapa da França da Liga Mundial de Surfe (WSL) e esquentou a disputa pelas duas vagas olímpicas a que o país terá direito nos Jogos de Tóquio-2020.

Derrotado pelo francês Jeremy Flores na decisão em Hossegor, o atleta do Rio Grande do Norte subiu da quinta para a quarta posição na classificação da temporada.

Italo soma agora 42.400 pontos, atrás do sul-africano Jordy Smith (43.515) e dos compatriotas Filipe Toledo (45.730) e Gabriel Medina (48.015).

Italo Ferreira na etapa da França da Liga Mundial de Surfe
Italo Ferreira na etapa da França da Liga Mundial de Surfe - Gaizka Iroz/AFP

Medina não repetiu o bom desempenho que costuma ter na França (acumula três títulos e dois vices em Hossegor) e parou nas oitavas de final. Filipe Toledo, que ainda se recuperava de uma lesão na região lombar, foi eliminado na fase anterior.

Com o vice-campeonato, Italo diminuiu a diferença para os dois na corrida pelas vagas brasileiras no Japão.

Faltam duas etapas para o fim da temporada 2019. A próxima será em Peniche (Portugal), de 16 a 28 de outubro. Pipeline (Havaí) fecha as disputas de 8 a 20 de dezembro.​

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.