Curso sobre literatura epistolar, aula com José de Souza Martins e mais dicas

Veja as indicações culturais da Ilustríssima para a próxima semana

[ILUSTRÍSSIMA CONVERSA] Joselia Aguiar

Disponível a partir de seg. (4) em folha.com/ilustrissimaconversa

A convidada do podcast desta semana é a jornalista, historiadora e ex-curadora da Flip, que acaba de lançar uma biografia de Jorge Amado pela editora Todavia. A conversa com Walter Porto, repórter da Ilustríssima, abordou as razões da extrema popularidade do escritor e o ressentimento provocado por ela, a militância e as desilusões do baiano com o Partido Comunista do Brasil e o tratamento da questão racial em seus livros.

 

[PALESTRA] José de Souza Martins e Fraya Frehse

Centro de Pesquisa e Formação do Sesc. (11) 3254-5600. Qui. (7), às 19h. Grátis, mediante inscrições presenciais ou pelo site sescsp.org.br/cpf

O livro “A Sociologia Enraizada de José de Souza Martins” (Com-Arte) é objeto de debate entre sua organizadora, professora livre-docente de sociologia da USP, e o próprio Martins, professor titular aposentado da USP com uma das carreiras mais respeitadas das ciências sociais brasileiras. A obra contém 15 ensaios de diferentes autores, além de poema e fotografias, que buscam revelar as diferentes facetas da pesquisa de Martins.

 

[CURSO] As cartas na literatura

IMS Paulista. (11) 2842-9120. Quinta, às 19h. De 7 a 28/2. R$ 70 por aula ou R$ 200 por 4 aulas.

Quatro aulas ministradas por diferentes professores discutem o gênero epistolar, no qual a intimidade entre remetente e destinatário torna-se experiência coletiva. Na primeira delas, Walnice Nogueira Galvão, professora emérita da USP, aborda as transformações das correspondências ao longo do tempo. Na segunda, Eliane Robert Moraes fala sobre as “Cartas de um Sedutor” de Hilda Hilst, enquanto Jorge de Almeida discute, no terceiro encontro, a “Carta ao Pai” de Franz Kafka. No último, é a vez de Caetano W. Galindo abordar a comunicação entre os escritores T.S. Eliot e Ezra Pound.

 

[MOSTRA] Cinema e Misantropia

Cinusp. (11) 3091-3540. Até 24/2, em diversos horários. Grátis. 

O ciclo exibe filmes que retratam a aversão da humanidade por si própria, em narrativas que não raro recorrem a sadismo e violência gráfica, sem se eximir do debate sobre a ética da representação de atos imorais. Estão em cartaz obras como o italiano “Salò ou os 120 Dias de Sodoma” (Pier Paolo Pasolini, 1975), o polonês “Não Matarás” (Krzysztof Kieslowski, 1988), o britânico “Nu” (Mike Leigh, 1993) e o japonês “Battle Royale” (Kinji Fukasaku, 2000).

escultura de madeira
Obra sem título (2018) de Angelo Venosa - Divulgação

[EXPOSIÇÃO] Angelo Venosa

Galeria Nara Roesler. (11) 2039-5454. De seg. a sex., das 10h às 19h; sáb,. das 11h às 15h. De 9/2 a 16/3. Grátis.

Um dos raros escultores da Geração 80, o artista paulistano apresenta oito obras inéditas na cidade e produzidas com materiais como madeira, bronze, fibra de vidro e tecido. Integradas com a iluminação da galeria, as esculturas interagem com suas próprias sombras e revelam um novo nível de plasticidade.

 

[CURSO] Caco Galhardo

Escrevedeira. (11) 94499-0141. Qua., às 19h30. De 6/2 a 27/3. R$ 760. 

O cartunista, roteirista e colaborador da Folha dá sete aulas sobre histórias em quadrinhos, em que discute seus princípios e procedimentos básicos. Ao fim do curso, trabalhos dos alunos serão reunidos em um fanzine. O espaço também oferece uma oficina de crônica, ministrada por Fabrício Corsaletti a partir do dia 5, e de romance, por Joca Reiners Terron a partir do dia 13.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.