Descrição de chapéu Governo Bolsonaro

Saiba quem está em cada lado no racha do PSL entre bolsonaristas e bivaristas

Cisão entre os dois grupos explodiu depois de críticas de Jair Bolsonaro a Luciano Bivar

São Paulo

Dono da segunda maior bancada na Câmara, com 53 deputados, o PSL vive uma guerra aberta pelo controle do partido que envolve diretamente o presidente Jair Bolsonaro e alguns dos principais integrantes de sua base no Congresso.

De um lado, estão aliados a Bolsonaro; do outro, parlamentares alinhados com o fundador e presidente da sigla, o deputado Luciano Bivar (PE), que abriu espaço para o então presidenciável em 2018 disputar a eleição.

A cisão entre os dois grupos, que já era presente, ganhou contornos explosivos depois que Bolsonaro falou a um apoiador que Bivar está "queimado pra caramba".

O presidente acusa o partido de falta de transparência e estuda meios jurídicos de deixar o PSL e migrar para outra legenda com deputados aliados, sem que estes percam o mandato.

Parlamentares de outras siglas evitam que a disputa dentro do PSL contamine a Câmara, mas o embate já provocou mudanças entre os interlocutores do governo.

A crise do PSL se acirrou nesta quinta-feira (17), com a decisão de Bolsonaro de retirar a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP) da liderança do governo no Congresso e a vitória da ala ligada a Bivar ao manter o Delegado Waldir como líder da bancada na Câmara.

Bolsonaro havia atuado pessoalmente ligando para parlamentares para pedir que assinassem lista destituindo o parlamentar goiano, que chegou a ser brevemente substituído por seu filho, Eduardo Bolsonaro. 

Os dois lados no racha no PSL

Bolsonaristas

  • Eduardo Bolsonaro (SP), deputado federal
  • Major Vitor Hugo (GO), líder do governo na Câmara
  • Helio Negão (RJ), deputado federal
  • Carlos Jordy (RJ), deputado federal
  • Bia Kicis (DF), deputada federal
  • Carla Zambelli (SP), deputada federal
  • Filipe Barros (PR), deputado federal
  • Bibo Nunes (RS), deputado federal
  • Alê Silva (MG), deputada federal (retirada da Comissão de Finanças e Tributação)
  • Daniel Silveira (RJ), deputado federal (o infiltrado)
  • Luiz Philippe de Orleans e Bragança (SP), deputado federal
  • Flávio Bolsonaro (RJ), senador (Senado)

Bivaristas

  • Delegado Waldir (GO), líder do partido na Câmara
  • Joice Hasselmann (SP), deputada federal e ex-líder do governo no Congresso
  • Junior Bozzella (SP), deputado federal
  • Felipe Francischini (PR), deputado federal (presidente da CCJ)
  • Sargento Gurgel (RJ) deputado federal (cotado para substituir Flávio Bolsonaro no Diretório do RJ)
  • Nelson Barbudo (MT), deputado federal
  • Professora Dayane Pimentel (BA), deputada federal
  • Delegado Antônio Furtado (RJ), deputado federal
  • Delegado Pablo (AM), deputado federal
  • Heitor Freire (CE), deputado federal
  • Major Olimpio (SP), senador (Senado)
 
Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.