Descrição de chapéu

Impact Hub cria movimento para dar visibilidade aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

'OkEntendiMasComo' é convite a agir compartilhando boas práticas

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Luciana Brasil

Diretora de comunicação e marketing no Impact Hub São Paulo, plataforma que fomenta o impacto socioambiental no Brasil

Faltam menos de dez anos para alcançarmos o prazo dado pela Organização das Nações Unidas (ONU) para implementação da Agenda 2030, documento com 17 objetivos globais para erradicar a pobreza, proteger o planeta e garantir que os seres humanos alcancem a paz e a prosperidade.

O tempo corre e, somado a essas metas, pactuadas em 2015 pelo Brasil e outros 192 países, vivemos a maior crise sanitária da história recente. O cenário é desafiador e pede mudanças urgentes. Entretanto, temos a nosso favor uma maior consciência coletiva, de pessoas e organizações no mundo todo, com o desejo de reconstruir um futuro positivo.

Segundo pesquisa da Euromonitor, que apontou as principais tendências de consumo em 2021, a pandemia teve um impacto profundo sobre as necessidades e hábitos de compra.

O estudo informa que o senso de responsabilidade social é uma demanda permanente e o consumidor está cada vez mais atento a questões sociais e ambientais, fazendo escolhas por marcas, empresas e organizações que ajudam a tornar o mundo mais sustentável e justo.

O relógio segue correndo, e é imperativo que as estratégias centradas no lucro sejam trocadas por soluções que gerem impacto positivo. Os consumidores entendem que as empresas não podem focar apenas na receita, é preciso proteger a saúde e os interesses da sociedade e do planeta.

Foi diante deste cenário que expressões como ecossistema de impacto, ESG, negócios de impacto socioambiental, ODS e teoria da mudança ganharam voz e valor nos últimos anos.

Diversos movimentos, redes e atores vêm se articulando para promover a mudança sistêmica de uma economia baseada em volume para uma permeada pelo propósito e em contribuir para o fim da desigualdade social e mitigar os danos ambientais em nosso planeta.

Vivemos também um momento em que estamos discutindo e estudando com mais profundidade problemas complexos da sociedade, tanto na questão ambiental quanto social. Entender para se envolver sempre foi uma premissa para mim. Mas o que podemos fazer depois disso?

Muitos passos foram dados, mas ainda estamos distantes de alcançar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas. E uma pergunta ainda ronda grande parte da população e das organizações: Como implementar essa mudança?

Acredito que a comunicação tem relevante papel para consolidar essa transformação. Para isso, criamos o movimento #OkEntendiMasComo.

Ele pretende sanar essa questão, dar visibilidade a empresas, soluções e organizações que estão atuando para um futuro positivo para todos, e inspirar o surgimento de novos negócios e ações sustentáveis.

A ação iniciada pelo Impact Hub São Paulo convoca e mobiliza indivíduos de todas as regiões do país a agir compartilhando boas práticas e dando visibilidade às causas.

Roda de conversa no Impact Hub Floripa
Roda de conversa no Impact Hub Floripa - Divulgação / Impact Hub Floripa

Queremos que cada vez mais as pessoas busquem, sem receio, soluções que mais se adaptam aos seus desafios, sejam eles voltados para educação, desenvolvimento territorial e ações relacionadas ao meio ambiente; aceleração e impulsionamento de negócios de impacto; ciência, tecnologia e inovação; articulação de redes e comunidades de práticas; fomento e investimento em causas, entre outros.

Faltam apenas nove anos para aferirmos sobre os 17 ODS da ONU. Temos urgência em ser práticos para implementar soluções positivas para o mundo.

Nosso papel, enquanto pessoas e organização, é impulsionar impacto ao redor do globo. Por isso, te convido a entender e agir: #OkEntendiMasComo.​

  • Salvar artigos

    Recurso exclusivo para assinantes

    assine ou faça login

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.