Gol cancela todos os voos internacionais a partir da próxima semana devido ao coronavírus

Voos serão suspensos até junho; outras aéreas também cortaram voos internacionais

São Paulo | Reuters

A companhia aérea Gol anunciou nesta terça-feira (17) que vai cancelar a partir de 23 de março todas as suas operações internacionais até o fim de junho, incluindo destinos de América do Sul, Estados Unidos e México. Na segunda-feira (16), a Gol já havia anunciado cortar sua capacidade total de voos entre 60% e 70% até a mesma data.

A empresa citou necessidade de "se adequar ao novo cenário de demanda por transporte aéreo, dado o advento do coronavírus em nível global". A companhia também mencionou restrições de viagens tomadas por autoridades nos países onde opera.

Avião da companhia aérea Gol pousa na pista do aeroporto de Cumbica, em Guarulhos - Amanda Perobelli - 6.mai.2017/UOL

Para a Argentina, a empresa começou a cortar voos em 14 de março. Os últimos voos serão entre Rio de Janeiro e Córdoba e Rosário, em 22 de março. Para os Estados Unidos, os últimos de Brasília e Fortaleza para Orlando, saem dia 20, mesmo dia da última operação para o México.

A empresa não informou a estimativa de passageiros afetados pela decisão.

Na véspera, a Gol havia informado decisão de cortar operações internacionais entre 90% e 95% da capacidade até meados de junho.

Outras aéreas cortam voos

A Latam e a Azul também já anunciaram a redução de voos.

Em comunicado, a Latam afirmou que os voos internacionais serão reduzidos em 90%, enquanto os domésticos terão diminuição de 40%, seguindo-se ao fechamento de fronteiras em vários países e a subsequente queda na demanda.

A Azul anunciou suspensão de voos para Bariloche, na Argentina, e para dez cidades brasileiras, também citando queda na demanda e restrições a viagens devido à epidemia.

No caso do destino turístico argentino, a suspensão vale para o período de 21 de março a 30 de junho.

Já para as cidades de Lages (SC), Pato Branco (PR), Toledo (PR), Ponta Grossa (PR), Guarapuava (PR), Araxá (MG), Valença (BA), Feira de Santana (BA), Paulo Afonso (BA) e Parnaíba (PI), a suspensão dos voos da Azul vai vigorar entre 23 de março e 30 de junho.

A companhia também afirmou que a redução de sua capacidade total será de 20% a 25% em março e de entre 35% a 50% em abril e nos próximos meses.

Tópicos relacionados

Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.